Zumbi Coreano x Brian Ortega e mais quatro lutas a casar pós-UFC Busan

Guilherme Cruz
SEOUL, SOUTH KOREA - OCTOBER 17: Brian Ortega(right) and Chan Sung Jung also known as Korean Zombie face off in front of Gwanghwamun in Seoul, South Korea on October 17, 2019 ahead of the mixed martial arts event produced by the Ultimate Fighting Championship that is planned to take place in December in Busan, Korea.  (Photo by Woohae Cho/Zuffa LLC)
Zumbi Coreano e Brian Ortega se enfrentariam em Busan (Woohae Cho/Zuffa LLC)

O último UFC da década terminou de forma avassaladora para Frankie Edgar. O ex-campeão dos leves (70kg) topou o desafio de substituir Brian Ortega contra Chan Sung Jung, o Zumbi Coreano, na luta principal do UFC Busan, na Coréia do Sul. E durou pouco.

SIGA O YAHOO ESPORTES NO INSTAGRAM
SIGA O YAHOO ESPORTES NO FLIPBOARD

Para a alegria da torcida local, Zumbi Coreano atropelou Edgar em menos de quatro minutos, impondo a derrota mais rápida da carreira do popular norte-americano. O triunfo, o segundo do sul-coreano por nocaute em 2019, o coloca em posição privilegiada na corrida por uma chance ao título, mas não o bastante para lhe garantir o direito já no início de 2020.

Leia também:

O próximo passo ideal para Zumbi Coreano é a remarcação do duelo com Ortega. O peso-pena revelou, na coletiva de imprensa pós-evento, que precisará passar por uma cirurgia para corrigir um problema nos olhos. O tempo afastado seria o suficiente para que Ortega também se recupere da lesão no joelho que o tirou do evento.

Abaixo vão outras lutas que o blog casaria para os principais nomes do UFC Busan:

Frankie Edgar x Rob Font: O tropeço na última aparição como peso-pena (66kg) forçou o UFC a mudas os planos para Edgar, que seguia escalado contra Cory Sandhagen no fim de janeiro. Ele precisará de mais tempo antes de voltar ao octógono, e Sandhagen pode não ser o oponente ideal para recepcioná-lo entre os galos (61kg). Font, que bateu Sergio Pettis e Ricky Simon nas últimas vezes que competiu, seria uma escolha melhor.

Volkan Oezdemir x Glover Teixeira: Oezdemir superou a promessa Aleksandar Rakic por decisão dividida na luta co-principal, emplacando o segundo triunfo no ano após amargar três revezes em sequência. Com muitos meio-pesados com lutas marcadas no momento, um oponente interessante seria Teixeira, mineiro de Sobrália que teve um 2019 perfeito com vitórias sobre Karl Roberson, Ion Cutelaba e Nikita Krylov.

Alexandre Pantoja x Brandon Moreno: A divisão dos moscas (57kg) ficou embaralhada durante meses com a ausência do campeão Henry Cejudo, recentemente destituído de um dos seus cinturões. Há sinais de normalidade no horizonte, porém, com a coroação de um novo rei no duelo Joseph Benavidez x Deiveson Figueiredo em fevereiro.

Pantoja, ranqueado atrás apenas da dupla e de Jussier Formiga, não vê muitas opções de adversário. Formiga é seu companheiro de treinos na American Top Team, o que poderia impedir uma luta entre eles — embora a prática não seja raridade na ATT, o que abriria portas para a luta. Eles já se enfrentaram em 2010, quando representavam outras equipes.

O blog sugere, porém, outra revanche para Pantoja: Brandon Moreno. O mexicano perdeu na decisão para Pantoja em maio de 2018, culminando em sua demissão. Bastou uma vitória fora da franquia, que lhe valeu o cinturão da LFA, para que ele retornasse ao plantel do UFC. Após um empate com Askar Askarov, Moreno conquistou boa vitória ao frear a ascensão do talentoso Kai Kara-France no início do mês.

Raoni Barcelos x vencedor de Merab Dvalishvili x Casey Kenney: O carioca conquistou a maior vitória de sua carreira sobre Said Nurmagomedov na Coréia do Sul, ampliando seu cartel para quatro vitórias e nenhuma derrota no octógono. Seu próximo passo poderia ser quem passar de Merab Dvalishvili x Casey Kenney, agendado para 15 de fevereiro. Kenney é recém-chegado ao top 15, enquanto Dvalishvili tenta engatar a trinca. Assim como Barcelos, ambos foram campeões de organizações menores antes de entrar no UFC.

Veja mais de Guilherme Cruz no Yahoo Esportes

Siga o Yahoo Esportes

Twitter |Flipboard |Facebook |Spotify |iTunes |Playerhunter