Zezé Di Camargo é detonado na web após falar sobre a ditadura

Declarações do artista sertanejo desagradam fãs (Reprodução/youtube.com)

Mais uma vez, o nome do cantor Zezé Di Camargo, 55, apareceu nas redes sociais por conta de uma polêmica. Agora, o sertanejo desagradou muitos fãs ao declarar em um programa no Youtube que não existiu ditadura militar no Brasil.

“Eu vejo o Brasil em um momento crucial. Eu vou falar um absurdo aqui para você, as pessoas vão me criticar, jornalistas vão falar de mim, achar que sou um maluco (…) Muita gente confunde militarismo com ditadura, todo mundo fala: ‘nós vivíamos numa ditadura’. Nós não vivíamos numa ditadura, nós vivíamos num militarismo vigiado, não numa ditadura”, opinou o famoso no canal da jornalista Leda Nagle, 66.

Leia mais:
Regina Duarte causa mal estar nos bastidores de nova novela
Rodrigo Hilbert sobre fama de homem perfeito: ‘Levar a sério é exagero’

“Ditadura é a Venezuela, Cuba viveu com Fidel Castro e até hoje vive (…) esses são realmente ditadores”, acrescentou Zezé que foi detonado nas redes sociais. “Alguém joga um livro de história na cabeça dessa homem”, alfinetou uma pessoa no Twitter. “Cala a boca, Zezé. Você com certeza não sabe o que está falando”, postou outra internauta.