Zerou o cinema? Nicolas Cage prova versatilidade e encarna Drácula tóxico nas telonas

Ator já viveu anti-herói, explorador, feiticeiro e quase interpretou um dos personagens mais famosos da cultura pop

Nicolas Cage encarna Conde Drácula em novo filme. (Foto: Divulgação/Universal Pictures)
Nicolas Cage encarna Conde Drácula em novo filme. (Foto: Divulgação/Universal Pictures)

Nicolas Cage provou novamente toda sua versatilidade nesta quinta-feira (5) ao aparecer no papel de Conde Drácula no trailer de "Renfield: Dando o Sangue pelo Chefe". O ator viverá um vampiro tóxico no filme, que mistura comédia e terror, e já tem gente dizendo que ele "zerou o cinema".

Descrito como um "moderno conto de monstros", a trama conta a história de Renfield (Nicholas Hoult), o ajudante leal e torturado do chefe mais narcisista da história, Drácula (Cage). Após séculos de servidão, Renfield está pronto para ver se há vida fora da sombra do Príncipe das Trevas. Assista ao trailer:

"Renfield" está previsto para estrear nas salas de cinema brasileiras em 4 de maio, e é mais um dos trabalhos que provam que Nicolas Cage é capaz de interpretar os mais diferentes personagens. Relembre alguns deles:

Nicolas Cage quase foi Superman nas telonas

Esta semana, o ator já havia gerado comoção nas redes sociais após um vídeo de Cage experimentando o uniforme do Superman ser divulgado. Para quem não lembra, Cage quase viveu Clark Kent no filme "Superman Lives", que seria dirigido por Tim Burton ("Wandinha"), mas o projeto acabou engavetado pelos executivos da Warner Bros.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mesmo sem nunca ter vivido oficialmente o herói da DC, Nicolas Cage já viveu outros dois famosos personagens dos quadrinhos: o Motoqueiro Fantasma e o Homem-Aranha. No filme de 2007, ele interpretou Johnny Blaze, um dublê e piloto de motocicleta que fez um pacto com Mefisto para proteger as duas pessoas que mais amava: o pai e sua namorada de adolescência. Ele também foi um dos dubladores de "Homem-Aranha no Aranhaverso" (2018) e deu voz a versão Noir do Amigão da Vizinhança.

De feiticeiro à vidente

O vencedor do Oscar também se aventurou pela fantasia e viveu o historiador Ben Gates em "A Lenda do Tesouro Perdido" (2007), o feiticeiro Balthazar em "O Aprendiz de Feiticeiro" (2010) e o cavaleiro em "Caça às Bruxas" (2011).

No drama, ele já estrelou "Pig" e se destacou nas produções de ação e ficção científica, como "Um Homem de Família" (2000), "Presságio" (2009), "O Vidente" (2007), "Fúria sobre Rodas" e "O Apocalise" (2014).

Depois de tantos personagens diferentes, ele ainda se desafiou a interpretar a si mesmo em "O Peso do Talento" (2022). Na comédia, Cage aceita relutantemente a oferta de US$ 1 milhão para participar da festa de aniversário de um superfã em uma ilha de luxo, mas as coisas tomam um rumo inesperado e ele embarca em uma aventura digna de um de seus filmes de ação.