Zac Efron volta aos EUA e agradece apoio dos fãs após internação de emergência durante gravação

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator Zac Efron, 32, usou suas redes sociais, na noite deste domingo (29), para tranquilizar seus fãs e agradecer pelo apoio, após uma internação de emergência durante as gravações de seu reality show "Killing Zac Efron" ("Matando Zac Efron"), que aconteciam em Papua-Nova Guiné. 

No post publicado em sua conta no Instagram, o ator afirmou que já está de volta aos Estados Unidos, onde passará a Virada de Ano com amigos e parentes: "Muito grato a todos. Fiquei doente em Papua-Nova Guiné, mas me recuperei rapidamente e terminei as incríveis três semanas no país. Obrigado por todo o amor e preocupação."

Efron contraiu uma infecção bacteriana um pouco antes do feriado de Natal, após uma sequência de filmagens de aventuras em Quibi. A situação progrediu e o artista teve que ser transportado para o hospital St. Andrews War Memorial, em Brisbane, na Austrália, onde foi tratado. 

O reality deve estrear em abril de 2020, mas só nos Estados Unidos, por enquanto, pela plataforma de streaming Quibi. Segundo a produtora,  Zac "irá se afundar nas selvas de uma ilha remota para gravar seu próprio nome na história da expedição".