Will Smith e Kanye West surgem no rosto de Kendrick Lamar em novo clipe

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Kendrick Lamar transformado em Will Smith e Kanye West em clipe. Foto: Reprodução/Youtube
Kendrick Lamar transformado em Will Smith e Kanye West em clipe. Foto: Reprodução/Youtube

Resumo da notícia:

  • Will Smith e Kanye West surgem no corpo de Kendrick Lamar em novo clipe

  • "The Heart Part 5" ainda com conta com os rostos de O.J. Simpson, Kobe Bryant e Jussie Smollett

  • A letra da faixa conversa com a personalidade assumida pelo cantor em cada momento

Kendrick Lamar surpreendeu os fãs com o lançamento de seu mais novo clipe ao encarnar grandes personalidades da mídia internacional. Em vídeo da faixa "The Heart Part 5", o rapper surge se transformando em nomes como Will Smith, Kanye West, O.J. Simpson, Kobe Bryant e Jussie Smollett.

O detalhe é que a letra da música conversa diretamente com o rosto assumido pelo cantor em cada momento da gravação. Ao surgir como West, por exemplo, Lamar canta sobre bipolaridade, um transtorno diagnosticado no rapper.

A nova canção é a primeira faixa do novo álbum de Kendrick Lamar, intitulado "Mr. Morale and the Big Steppers". O disco chega ao público por completo no próximo dia 13 de maio.

Vale lembrar que o cantor não lança um álbum desde 2017, quando entregou "DAMN" ao público. Ele ainda chegou a colaborar na trilha sonora oficial de "Pantera Negra" em 2018. Confira o novo vídeo:

Boicote ao Will Smith

Na última semana, o filme "Emancipation", estrelado por Will Smith, teve a sua estreia adiada pela Apple. De acordo com a Variety, o filme, aguardado para o segundo semestre de 2022, só deve sair em 2023. Ainda não há data definida para o lançamento.

A decisão da Apple foi tomada um mês após o ator ser suspenso por 10 anos da cerimônia do Oscar. Neste ano, Will deu um tapa em Chris Rock após ouvir uma piada sobre a aparência de esposa, Jada Pinkett, na premiação.

O longa é dirigido por Antoine Fuqua, responsável por "Um dia de Treinamento" (2001), estrelado por Denzil Washington. De acordo com a Variety, um diretor que viu trechos da obra disse, antes da briga no Oscar, que "Will vencerá de cabo a rabo" na temporada de premiações com a sua performance.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos