Whitney Houston se torna a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Whitney Houston (1963-2012) se tornou a primeira artista negra a conseguir três discos de Diamante. O certificado, dado pela Associação da Indústria de Gravação de Música dos Estados Unidos (RIAA, na sigla em inglês), diz que ela vendeu o equivalente a 10 vezes o necessário para um álbum receber o certificado de Platina (cerca de 10 milhões de cópias). "Whitney", o segundo álbum de estúdio que ela lançou, em 1987, foi o que alcançou essa marca agora. Ela já tinha o certificado de Diamante com os álbuns "Whitney Houstoun (1985), que foi 13 vezes Platina, e pela trilha sonora de "O Guarda-Costas" (1992), que foi 18 vezes Platina. A cantora, que já foi citada no Guinness como a artista feminina mais premiada de todos os tempos, tem mais de 200 milhões de discos vendidos em todo o mundo. A vida dela será lembrada no filme biográfico "I Wanna Dance With Somebody", dirigido por Stella Meghie ("The Photograph") a partir do roteiro de Anthony McCarten ("Dois Papas", "Bohemian Rhapsody", "O Destino de Uma Nação"). A produção é do Estate of Whitney E.Houston junto com músicos como Clive Davis. Além disso, neste ano, Whitney Houston vai ser introduzida no Rock & Roll Hall of Fame em uma transmissão que ocorrerá no dia 7 de novembro e deve ir ao ar a partir das 21h (horário de Brasília) pela HBO e HBO Max. A tradicional cerimônia, que conta com evento presencial, não ocorrerá por causa da pandemia de coronavírus. Um vídeo promocional foi criado para celebrar o feito e também os 35 anos de carreira da cantora. O curta inclui destaques da carreira e memórias dos fãs.