Web acusa rádio de homofobia por rejeitar tocar Pabllo Vittar

Rádio se recusou a tocar música de Pabllo Vittar (reprodução / Twitter @pabllovittar)

O twitter está em chamas por conta de uma suposta homofobia de uma rádio de Papanduva, em Santa Catarina, que não quer tocar uma música de Pabllo Vittar.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

“Não tocamos Pabllo Vittar aqui, obrigado. Não sabemos se ele é homem ou mulher", escreveu um funcionário pelo whatsapp da rádio a um fã que pediu a música. Para outro fã que pediu “Parabéns”, a música de trabalho da cantora, o funcionário escreveu: “Não tocamos isso aí, obrigado. Tem música [pop]! Não essas coisas aí”, comentou.

Leia também

Os prints foram compartilhados por Sergio Santos, que escreveu: “É isso que recebemos ao pedir as músicas da Pabllo Vittar nas rádios. Depois não vem me dizer que homofobia não existe, tá ok?”.


A rádio, através de sua conta no Facebook, comentou o fato e pediu desculpas pela conduta do funcionário. “A Direção e a Equipe Da Super FM vem esclarecer: Sabemos que foi errado o que foi falado na conversa no whatsapp (conversa particular entre ouvinte e locutor), pedimos desculpas por isso, o responsável pelas respostas já foi identificado e responderá internamente e administrativamente pelo ocorrido. Mais uma vez, toda a equipe da rádio pede desculpas e reforçamos que a rádio não possui posicionamentos preconceituosos de qualquer natureza. Somos contra qualquer tipo de preconceito e desrespeito”, diz o documento.