Wall Street tem ganhos expressivos ao fim de semana forte

Placa em frente à Bolsa de Valores de Nova York sinaliza Wall Street

Por Lewis Krauskopf e Sruthi Shankar e Anisha Sircar

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street saltaram nesta sexta-feira, à medida que sinais de desaceleração do crescimento econômico e uma recente retração nos preços das commodities moderaram expectativas sobre os planos de aumentos de juros do banco central dos Estados Unidos.

O índice S&P 500 fechou em alta de 3,06%, a 3.911,74 pontos. O Dow Jones subiu 2,68%, a 31.500,68 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançou 3,34%, a 11.607,62 pontos.

O S&P 500 teve a maior alta percentual diária desde maio de 2020. Todos os 11 setores do índice de referência terminaram com pelo menos 1,5% de alta.

As ações se recuperaram nesta semana, com os mercados financeiros agitados por preocupações de que os rápidos aumentos dos juros pelo Federal Reserve para conter a inflação possam causar uma recessão.

Ainda assim, investidores avaliam quando o mercado pode atingir seu patamar mais baixo depois que o S&P 500 registrou, no início deste mês, uma queda de 20% em relação ao pico de fechamento que atingiu em janeiro, o que confirmou entrada do índice na definição comum de um mercado em baixa.

"Isso pode ser meio que um rali de alívio", disse Shawn Cruz, estrategista-chefe de negociação da TD Ameritrade. "Mas acho que não encorajaria ninguém a ir com tudo no momento, porque vimos isso repetidamente, essas coisas podem se reverter rapidamente".

Na semana, o S&P 500 subiu 6,4%, o Dow Jones avançou 5,4%, o Nasdaq ganhou 7,5%.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos