Viviane Araújo perde processo contra o ex Radaméz e a mulher em ação por barraco na web

Michael Sá
·3 minuto de leitura

Viviane Araújo perdeu na Justiça o processo que movia contra o ex-marido Radaméz e a atual mulher dele Caroline Furlan. Em maio, a rainha de bateria da Viradouro prestou queixa na delegacia do Recreio (42ª DP), na Zona Oeste do Rio, por injúria e difamação, depois de Caroline ter se posicionado em relação à atriz na internet, afirmando que Viviane "vive de mídia baseada em barraco". Vivi, então, entrou com uma ação pedindo uma indenização de R$ 30 mil por danos morais e exigindo que Caroline viesse a público se retratar por ter publicado uma série de mensagens a respeito dela.

Ação foi julgada improcedente pelo Tribunal de Justiça do Rio e publicada no diário oficial na última quinta-feira, 3 de dezembro. A defesa de Carolina argumentou que os posts feito por sua cliente configuram uma liberdade de expressão, e a juíza Priscilla Ferreira Nobre Rocha concluiu que não houve dano moral nas mensagens publicadas por Caroline no Instagram.A defesa da Viviane pode recorrer da decisão.

"Estamos muito felizes com o resultado proferido nessa demanda que envolve nossos clientes Radamés e Caroline Furlan, salientando que a verdade se restabeleceu, tendo o Poder Judiciário julgado improcedente o pedido manejado pela autora. Com serenidade, salientamos que prevaleceram os princípios contidos na Constituição Federal e na lei brasileira", disse ao EXTRA o advogado Gustavo Chalfun, que defende Radaméz e Caroline.

A treta começou em maio, depois que veio à tona o acordo entre Radamés e Viviane, na disputa que existia à época da separação deles, em 2017. Como o EXTRA noticiou, a atriz pagou R$ 400 mil (referente a um imóvel no Recreio dos Bandeirantes) ao jogador para evitar que a briga se estendesse na Justiça. No dia em que a notícia saiu, Caroline Furlan, mulher de Radamés, usou as redes sociais para criticar Viviane Araújo ao responder internautas sobre a polêmica.

"Por que ela precisa disso? Vive de mídia baseada em barraco sempre ! Mas chega... isso vai acabar!", escreveu ela, numa das mensagens. "Estou de saco cheio, simplesmente. Cansei desse 'mimimi' todo de internet. Mas deixa... A verdade vai vir à tona, e eu quero ver onde esses fãs (de Viviane) vão enfiar a cara", criticou.

Nos posts, Carolina citou ainda Gracyanne Barbosa, mulher de Belo, com quem Viviane também teve um relacionamento: "Sou casada com o Radamés, somos uma coisa só. Aquilo que afeta ele, me atinge também. Estou cansada de ele levar a fama de ruim, igual ao Belo e a Gracyanne. E ela (Viviane) sempre sai de coitadinha. Não consegui ser tão madura quanto a Gracyanne, e eu resolvi botar um ponto final nesse mimimi todo".

Sobre o imóvel, a cobertura foi adquirida quando Viviane e Radamés ainda estavam juntos, e ele colaborou com R$ 100 mil na compra. No momento da separação, ele exigia ter direito também ao imóvel, à metade dele. O pedido inicial de meio milhão de reais feito pelo jogador foi negado, e, só depois então, aceitou o valor de R$ 400 mil.