Vittor Fernando analisa a importância de conteúdos de humor nas redes sociais: "As pessoas precisam disso"

·3 minuto de leitura
TikToker Vittor Fernando comenta sobre o sucesso. Foto: Reprodução/Instagram @vittorfernando
TikToker Vittor Fernando comenta sobre o sucesso. Foto: Reprodução/Instagram @vittorfernando

Quase 7 milhões de pessoas acompanham no TikTok os vídeos publicados na conta de Vittor Fernando, de 27 anos. Somando com os seguidores do Instagram, ele tem mais de 10 milhões de seguidores. E quem vê seu sucesso nas redes sociais pode nem imaginar que faz pouco mais de um ano que o jovem decidiu se dedicar à produção de conteúdos.

Criador de conteúdos humorísticos para as redes sociais, Vittor ganhou sem querer uma marca de seu conteúdo, um filtro que o faz ser reconhecido pelos internautas brasileiros.

Leia também:

"Por algum motivo, os vídeos que publico usando o filtro 'cara nervosa', do TikTok, viralizam mais. E, por causa disso, as pessoas já reconhecem imediatamente meus vídeos e algumas pessoas até chamam de 'filtro do Vittor'", contou ele em um papo com o Yahoo! na rede social.

Mas apesar de o reconhecerem com o filtro, sem ele há um estranhamento. "As pessoas se acostumaram a me ver com o filtro, então sempre comentam quando apareço sem ele. Ficou mesmo marcado." 

Os vídeos de Vittor mostram perrengues cotidianos, pequenas tragédias do dia a dia que no futuro viram anedotas engraçadas que todo mundo já viveu. E esse conteúdo reconhecível foi o que o tornou um dos fenômenos do TikTok.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

"Eu percebi que as pessoas gostavam do meu conteúdo quando vi meus vídeos viralizando em outras redes sociais sem eu publicar. As pessoas salvavam os vídeos e compartilhavam, e eu as via comentando, se divertindo. Foi assim que percebi, com eles mesmo compartilhando meus vídeos."

E ele continua: "Eu gosto de fazer vídeo sobre família, que sei que as pessoas vão se reconhecer. Também sempre penso nas histórias que minhas amigas me contam. Não é possível que aquilo só aconteça com elas, então as pessoas devem se reconhecer."

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Mas se você acha que este tipo de conteúdo sempre foi o foco de Vittor, está enganado. "Na verdade, comecei com dublagens e depois fui fazendo humor. Mas eu não tinha pretensão nenhuma de fazer sucesso, tanto que nem compartilhava nas outras redes sociais". 

Mas o sucesso e o reconhecimento veio, e ele diz estar muito grato. Por isso, gosta de acompanhar o que os seguidores repercutem de seus vídeos nas redes sociais para continuar trazendo conteúdos divertidos, especialmente durante a pandemia.

"Eu comecei a produzir conteúdo no começo da pandemia, e o que vi de lá para cá é que esse tipo de conteúdo ajuda as pessoas a ficarem em casa, se divertindo, durante esses tempos difíceis e perigosos. Acho importante que existam plataformas em que esse tipo de conteúdo seja difundido, porque as pessoas precisam disso", declara. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Para quem, além de consumir este conteúdo, também quer produzir, Vittor deixou algumas dicas e o que pode ser o segredo para o sucesso no ramo: autenticidade. 

"Minha dica é sempre a mesma, a pessoa precisa ser autêntica. Acho muito mais fácil alguém fazer sucesso fazendo um conteúdo próprio. Porque sempre vai ter gente fazendo conteúdo parecido, mas se o seu conteúdo for diferente, é mais fácil das pessoas acompanharem. Então se você quer investir nisso, pensa no tipo de coisa que você quer fazer e seja autêntico", finaliza. 

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos