Vítima de estelionatário, Gusttavo Lima procura a polícia

·1 minuto de leitura
Reprodução do Instagram

Gusttavo Lima se surpreendeu quando foi até uma concessionária comprar um carro novo, e descobriu que sua compra havia sido recusada porque estava com o nome negativado. As informações foram noticiadas pelo colunista Alessandro Lo-Bianco, no programa ‘A Tarde é Sua’, da jornalista Sônia Abrão, na tarde desta quarta-feira, 16.

De acordo com a apuração do jornalista, o cantor está com uma série de restrições no Banco Central, Serasa, SPC, e está devendo em três cartões de créditos, em três instituições bancárias diferentes. O sertanejo pediu para a concessionária mostrar os extratos da dívida, e ficou comprovado que o seu CPF teria sido usado para realizar diversas compras em seu nome.

Leia também

Uma das constatações é que a carteira de motorista na documentação que foi usada para abertura dessas contas, continha a foto de outra pessoa, mas possuía os dados reais do cantor. Ainda segundo Lo-Bianco, Gusttavo teria tentado resolver as questões com as instituições bancárias, mas foi em vão e precisou entrar na justiça para sanar o problema.

A assessoria de imprensa jurídica do cantor se manifestou através de uma nota enviada ao programa: “A assessoria jurídica do cantor Gusttavo Lima por intermédio de seu advogado, Claudio Dias Bessas informa que foram adotadas todas as medidas judiciais e criminais cabíveis, diante da fraude praticada por uma pessoa que se utilizou dos dados pessoais do artista junto às instituições financeiras, praticando estelionato e abrindo contas digitais.

 Tomamos conhecimento das fraudes antes mesmo das instituições, pois os dados pessoais dos artistas são monitorados. Ingressamos com uma ação judicial e foi indeferido uma medida liminar para que as instituições cancelem todas as contas digitais. O caso ainda será investigado pela delegacia de crimes especializados por meio de um inquérito policial”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos