Vitamina C: tudo que você precisa saber antes de incluir uma na sua rotina de beleza

Para que serve a vitamina C para o rosto? (Foto: Getty Images)

Por Elisa Soupin (@faleparaelisa)

Já tem algum tempo que as (e os) mais ligados em skincare adicionaram a vitamina C às rotinas de cuidados com a pele. O item, no entanto, ainda causa muitas dúvidas. Para que serve, exatamente? Em que momento usar? Pode dar espinha?

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

O Yahoo! conversou com a dermatologista Fernanda Bortolozo, da Clínica Leger, pós-graduada em Medicina Estética, preceptora dos cursos de pós-graduação em Dermatologia e Medicina Estética do ISBRAE e cirurgiã dermatologista. Com todo esse currículo, a médica explicou tudo que você precisa saber antes de investir o seu dinheiro.

Leia também

Para começar, vale dizer que consultar um bom dermatologista para iniciar o uso de uma vitamina C é mais aconselhável do que escolher alguma em uma prateleira da farmácia -- você já já vai entender o porquê.

O que, exatamente, é a vitamina C, como ela atua na pele e o que faz?

É um ácido ascórbico antioxidante e hidrossolúvel (solúvel em água). Na pele, atua modificando a formação de melanina para um tipo de melanina que não é tão escura e que não mancha o rosto. Ela tem um mecanismo de ação que é quelante de cobre. Pra quem não sabe, o cobre faz parte da produção de pigmentos da nossa pele.

Qual a quantidade ideal para a aplicação?

Deve-se aplicar a quantidade equivalente a uma pérola.

Pode ser usado na área dos olhos?

Embora ela seja um ácido, a Vitamina C pode ser usada ao redor dos olhos, dependendo da formulação. Nesse caso, é preciso consultar um dermatologista para ver qual é a formulação correta de Vitamina C para a sua pele.

A vitamina C ajuda a clarear melasma?

Sim, no entanto, o melasma é uma doença multifatorial e só a Vitamina C, utilizada sozinha, não é eficiente para clarear um melasma mais resistente. Mas ela tem, sim, um poder clareador, por ser um ligante do cobre na nossa pele e impedir a formação de uma melanina mais escura.

Ajuda a clarear as olheiras?

Depende do caso. Olheiras podem ser de diferentes tipos e ocorrer por vários motivos. Se a olheira tiver relação com o componente de melanina, a Vitamina C ajuda no clareamento. Se a olheira for apenas vascular ou se for uma depressão óssea, o que auxiliará no tratamento é um procedimento de preenchimento e não cremes clareadores.

A concentração das vitaminas C no mercado variam entre 5% e 30%. O que isso significa?

A concentração de Vitamina C varia em função da base (creme, sérum, gel). Depende da forma que a Vitamina C será disponibilizada como ativo, já que pode ficar mais ou menos disponível para a pele. Nos casos de vitamina C manipulada, isso vai depender do tipo de pele do paciente e da base na qual a Vitamina C é colocada. São muitos os fatores que interferem na concentração desta vitamina. E a oxidação da Vitamina C é frequente também, por isso, normalmente as embalagens que contêm esta vitamina são vedadas da entrada de oxigênio e protegidos da entrada de luz, sejam de plástico foscas ou com vidros escuros.

Vitaminas C com taxas de concentração acima de 20 podem fazer mal?

A concentração de Vitamina C normalmente é maior quando é prescrita por um médico. Nós conseguimos usar concentrações maiores, adequando o PH da formulação, o local onde essa vitamina vai ficar armazenada e o tipo de pele do paciente. Em produtos de venda livre (como todos os que estão nessa matéria), a concentração é, normalmente, em torno de 15% a 20%. Acima disso, pode haver um efeito negativo para a pele, uma irritação pelo componente ácido da Vitamina C, que pode até manchar a pele. Por isso, o ideal é sempre buscar um dermatologista antes de fazer uso destes produtos.

Vitamina C pode causar ou piorar um quadro de acne?

Ainda não sabemos. Existem alguns trabalhos que falam sobre a relação desta vitamina com a acne, mas ainda não é comprovado cientificamente. O que se sabe é que os veículos (ou seja, se é sérum, gel, creme, mousse) em que a Vitamina C é adicionada podem piorar a acne.

Todo mundo pode usar a Vitamina C?

Sim. Pelo efeito hidratante da Vitamina C, ela pode ser usada como um hidratante para peles mais secas. Para peles mais oleosas, a gente precisa sempre pensar na concentração e no veículo, mas isso não impossibilita o uso, desde que haja a orientação de um profissional, que indique a formulação ou produto correto.

A vitamina C substitui um hidratante?

Não. Ela pode ser usada em conjunto com o ele, mas o melhor não é usar exclusivamente a vitamina C para hidratar. Há fórmulas de hidratação muito melhores do que apenas com essa vitamina.

Em que momento da rotina de cuidados com a pele entra a vitamina C?

Com o hidratante, antes do filtro, ou junto dos tratamentos noturnos. Não há problema usar Vitamina C e tomar sol com filtro solar.

Existem várias texturas possíveis: creme, gel, mousse, fórmulas aveludadas. Alguma é a melhor ou a mais estável?

Na verdade, a Vitamina C é um estabilizante de fórmulas, ela é usada em várias fórmulas como estabilizante e as vezes ela é propagada em uma concentração em torno de 5% como um ativo importante dentro das fórmulas. Com essa porcentagem, ela serve para deixar essa fórmula com maior tempo de validade em uma prateleira de uma farmácia, por exemplo. Concentrações maiores são necessárias para a gente ter um efeito de princípio ativo na pele. O gel, o creme e o sérum, bases onde nós usamos a Vitamina C, são pensadas de acordo com o tipo de pele do paciente. O que muda a estabilidade da Vitamina C é o contato com o ar. O ideal é não tenha esse contato. Aplique diretamente na pele.

Vitaminas C apresentam imensas variações de preço de centenas de reais. Por que há tanta diferença de preço se o princípio ativo é o mesmo? Quais são as tecnologias que encarecem ou barateiam o produto?

O que deixa um produto mais caro ou mais barato é a forma como essa Vitamina C vai chegar nas camadas mais profundas da pele do paciente. A Vitamina C por si só é hidrossolúvel, ela se dissolveria na camada de água da pele, nem chegaria a penetrar na camada mais superficial de lipídeos. Hoje, as tecnologias fazem com que essa vitamina fique encapsulada, por uma camadinha muito pequena de gordura que nós chamamos de lipossomas ou nanossomas, para passar as primeiras camadas da pele que são de gordura e que se abrem onde elas devem funcionar. Isso que faz com que um produto seja mais caro ou mais barato para um consumidor final.

Quanto tempo levamos para ver os primeiros resultados?

Após 30 dias de uso, já é possível ver os efeitos sob as rugas finas e perceber uma hidratação maior da pele, que é uma das características da vitamina C como antienvelhecimento. Sobre o clareamento da pele, é um pouquinho mais demorado, em torno de 30 a 60 dias.

Arte: Marina Andrade/Yahoo

1 - Creme Vitamina C Nupill - 30 ml - R$ 38,90

2 - Vitamina C Renew Super Concentrado Antioxidante - Avon - 30 ml - R$ 89,90

3- Complexo de Vitamina C Payot - 30 ml - R$ 69,90

4 - Improve C Dermage - 15g - R$ 182,00

5 - Sérum revitalizante Vitamina C The Body Shop- 30 ml - R$ 145,00

6 - Serum 10 30 ml Skinceuticals R$ 279,00

7 - Serum + Gel Creme Antioxidante Concentrado ROC C-Supérieur 16% 15ml + 15g - R$ 213,99

8 - Sérum Vichy Liftactiv AOX Concentrate - 10ml - R$ 189,90

9 - Gel Anti-idade Ivy C Skincare 30g Mantecorp - R$164,90

10 - Sesderma C-Vit Sérum Lipossomal 30 ml - R$ 303,74