De Odete Roitman a Nazaré Tedesco, relembre as vilãs de novelas que ninguém esquece

Nazaré foi marcante (Reprodução/TV Globo/Zé Paulo Cardeal)

Toda boa história de novela brasileira tem que ter uma boa vilã. E a teledramaturgia do país já criou algumas memoráveis. Tão intensas, que elas entraram para a história das novelas como personagens muito queridas pelo público.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Relembre algumas delas:

Odete Roitman, de 'Vale Tudo'

Odete Roitman se tornou um ícone, especialmente por ter uma das mortes de maior suspense na televisão brasileira, tendo originado a clássica pergunta "Quem matou Odete Roitman?". A personagem, interpretada por Beatriz Segall, foi assassinada com três tiros e a identidade de quem a matou só foi revelada no último capítulo de ‘Vale Tudo’. 

Leia também

O mistério não foi feito somente para o público: nem os próprios atores sabiam quem era o assassino, tendo a cena do tiro fatal sendo gravada no mesmo dia em que o último episódio da novela foi ao ar. Além disso, cada um dos suspeitos gravou a cena, para que não vazasse qualquer vestígio que pudesse estragar o “grand finale”. Ou seja, haviam cinco versões para o final.

Nazaré Tedesco, de 'Senhora do Destino'

Nazaré (Renata Sorrah) é a clássica vilã que precisa emendar uma maldade na outra para não ser pega. Ela poderia até mesmo ser chamada de viúva negra, tendo matado seu grande amor, o marido Zé Carlos (Tarcísio Meira) e posteriormente o amante, o taxista Gilmar (Roberto Bomtempo), que foi eletrocutado no quarto de um motel. A personagem da trama de 'Senhora do Destino' ficou conhecida também por empurrar as pessoas da escada para acabar com quem estivesse no seu caminho.

Carminha, de 'Avenida Brasil'

Carminha foi o pesadelo de Nina (Reprodução/Rede Globo/Renato Rocha Miranda)

No ar novamente em 'Vale a Pena Ver de Novo', Carminha (Adriana Esteves) é uma das vilãs mais que mais ganhou o amor e o ódio do público. Geniosa e ambiciosa, ela chegou até mesmo a forjar o próprio sequestro para conseguir dinheiro. A novela fez tanto sucesso que chegou a ser exibida em 150 países e dublada em 19 línguas, dentre elas árabe, espanhol, francês, grego e russo, se consolidando como a novela brasileira mais vendida para o exterior.

Bia Falcão, de 'Belíssima'

Como Caco Antibes, de 'Sai de Baixo', a megera Bia Falcão (Fernanda Montenegro) tinha horror a pobre. Ela odiava a filha e fingiu morrer em um acidente de carro para retornar gloriosa. Foi uma das vilãs com final feliz, tendo fugido para Paris com um amante mais jovem. 

E você, o que achou da lista? Comente quais outras vilãs você mais gostou de ver na televisão!