Viúva de Kobe Bryant doará indenização por vazamento de fotos para 'Fundação Mamba e Mambacita'

Viúva de Kobe Bryant doará indenização por vazamento de fotos para 'Fundação Mamba e Mambacita' credit:Bang Showbiz
Viúva de Kobe Bryant doará indenização por vazamento de fotos para 'Fundação Mamba e Mambacita' credit:Bang Showbiz

Vanessa Bryant doará indenização de 16 milhões de dólares (aproximadamente R$81 milhões em conversão atual) para a caridade.

A modelo ganhou o processo início desta semana após um júri ter concluído que o Departamento do Xerife do Condado de Los Angeles (LASD) e o Departamento de Bombeiros (LAFD) causaram angústia emocional ao compartilhar fotos do acidente fatal de helicóptero em janeiro de 2020 que matou seu marido, a lenda do basquete Kobe Bryant, e sua filha Gianna.

Chris Chester - cuja esposa Sarah e a filha Payton de 13 anos também morreram no acidente - recebeu 15 milhões de dólares (aproximadamente R$76 milhões em conversão atual).

Agora, o advogado de Vanessa, Luis Li, confirmou que ela doará o dinheiro que recebeu para a fundação de Kobe Bryant, 'Mamba Mambacita Sports Foundation', pois a viúva do jogador não entrou com a ação para obter ganhos financeiros.

"Desde o início, Vanessa Bryant buscou apenas responsabilidade, mas nosso sistema legal não permite que ela force melhores políticas, mais treinamento ou disciplina policial. Essas medidas são de responsabilidade do xerife e dos bombeiros - responsabilidades que os esforços da Sra. Bryant expuseram como lamentavelmente deficientes, até mesmo anistiando os infratores", disse Luis em uma declaração.

"A Sra. Bryant foi corajosa e nunca vacilou, mesmo quando o condado tentou forçá-la a se submeter a um exame psiquiátrico involuntário. Ela é profundamente grata a Ralph Mendez e Luella Weireter, os bons samaritanos que trouxeram à tona as décadas da prática de fotografar e compartilhar fotos de vítimas de acidentes e crimes sem nenhum propósito legítimo'', acrescentou.

"A Sra. Bryant tem esperança que este importante caso de direitos civis ponha fim a este comportamento abominável e insensível", afirmou o profissional.

Vanessa espera que o dinheiro "ilumine o legado de Kobe e Gigi".

Na última quarta-feira (24), o júri demorou apenas algumas horas para retornar seu veredicto, porém os advogados do condado insistiram que "discordavam" das conclusões do caso.

"Embora discordemos com as conclusões do júri quanto à responsabilidade do condado, acreditamos que o prêmio monetário mostra que os jurados não acreditaram que as provas apoiavam os pedidos dos demandantes de 75 milhões de dólares por angústia emocional," disse a advogada principal do condado Mira Hashmall.

"Estaremos discutindo os próximos passos com nosso cliente. Enquanto isso, esperamos que as famílias Bryant e Chester continuem a se curar de sua trágica perda'', finalizou.