Viúva de Chico Anysio, Malga Di Paula está internada com Covid

·3 minuto de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO: Empresária Malga Di Paula durante pré-estreia do filme Amor.com, em São Paulo. (Foto: Marcus Leoni/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO: Empresária Malga Di Paula durante pré-estreia do filme Amor.com, em São Paulo. (Foto: Marcus Leoni/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A empresária Malga Di Paula 51, viúva de Chico Anysio, está internada com Covid em um hospital, em Passo Fundo, Rio Grande do Sul. A informação foi confirmada pelo advogada da empresária que afirmou que o estado de saúde dela é estável.

Nas redes sociais, o ex-marido de Malga, o empresário Felipe Batista, publicou uma foto ao lado dela com a legenda: "Desejo melhoras Malga Di Paula". Nos comentários da postagem, seguidores do empresário desejaram muita força para Malga. A mãe da empresária também está internada com Covid.

Em abril deste ano, nove anos após a morte de Chico Anysio (1931-2012), a viúva Malga Di Paula disse que deseja retomar o contato com os oito filhos do humorista. Ela briga na justiça para ter reconhecido seu direito aos bens do humorista, sobretudo a um apartamento.

"Eu quero muito falar com vocês. Nós passamos momentos tão lindos juntos. O Chico amava vocês tanto e vocês sabem que o Chico me amava e que o amor era verdadeiro. E eu o amei tanto. E eu cuidei dele tanto, com tanto amor. Fiz tudo o que eu podia pelo pai de vocês. Por que a gente se afastou?", afirma ela em entrevista ao programa A Noite É Nossa, da Record, que vai ao ar nesta quarta (14)..

O advogado Roberto Halbouti, que representa sete dos oito filhos de Anysio, diz que Malga mente. "Se ela quisesse retomar o contato era só dar um telefonema para mim. É muito simples, ela não precisa ir para a televisão. Tudo que ela está dizendo é mentira."

A Justiça anulou o testamento do comediante porque o filho mais velho, Luiz Guilherme, conhecido como Lug de Paula, que fazia o personagem Seu Boneco na Escolinha do Professor Raimundo, não era contemplado na divisão de bens.

"Que história é essa de querer falar com os filhos se ela está fugindo do oficial de justiça? Ela muda de endereço toda hora e não presta contas", afirma o advogado dos herdeiros. Segundo ele, Di Paula precisa responder quem está morando no apartamento em que ela vivia com Anysio. "Há vários processos contra ela", completa ele.

Malga ficou casada 14 anos com o humorista e teria direito a 50% de todo o patrimônio dele. Agora, luta para conseguir entrar em acordo com os filhos. Os bens, segundo ela, foram deixados para Malga e todo o patrimônio intelectual foi deixado aos filhos.

Em entrevista ao o canal Na Lata de Antonia Fontenelle, em março deste ano, Malga revelou que Chico morreu com muitas dívidas. Ela nem tem ideia de quanto. Chico tinha como hábito, segundo Malga, dar uma boa mesada para cada herdeiro mesmo com eles já crescidos. Silvio Santos, segundo ela, ofereceu R$ 70 milhões pelas obras de Chico, mas Malga nunca conseguiu falar com os filhos dele nesse tempo e nem sabe dizer se eles sabem dessa oferta.

Outra particularidade de Chico era o vício dele em comprar cavalos. Segundo Malga, em 2003 ele começou a querer investir nos animais. E foi com isso que o ator se afundou ainda mais em dívidas. "A questão dele não foi aposta em cavalo, foi comprar cavalo para botar para correr. Ele se perdeu completamente, pior do que um vício. Foi uma coisa muito triste", disse.

De acordo com Malga, Anysio tinha 300 cavalos e chegava a gastar R$ 600 mil por mês na manutenção dos animais.

"Ele ganhava isso [R$ 600 mil de salário] e ainda tinha todas as nossas despesas, que não eram poucas: pensão de ex-mulher, mesadas dos filhos e netos. Ele acabou vendendo tudo que a gente tinha, gastou todo o dinheiro que tinha aplicado, pegou empréstimos e adquiriu um monte de dívidas", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos