Viúva de Chico Anysio deixa a UTI após internação por Covid-19

·1 minuto de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, BRASIL, 05.05.17 -  Malga Di Paula (empresaria). Pre-estreia do filme AMOR.COM, com Isis Valverde, Gil Coelho Marcos Mion, Joao Cortes, Carol Portes e Anita Barbosa no Cinépolis do JK Iguatemi, em SP. (Foto: Marcus Leoni / Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, BRASIL, 05.05.17 - Malga Di Paula (empresaria). Pre-estreia do filme AMOR.COM, com Isis Valverde, Gil Coelho Marcos Mion, Joao Cortes, Carol Portes e Anita Barbosa no Cinépolis do JK Iguatemi, em SP. (Foto: Marcus Leoni / Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A empresária Malga di Paula, 51, viúva de Chico Anysio (1931-2012), deixou a UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital das Clínicas de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. Ela estava internada desde o dia 27 de junho com quadro grave de Covid-19.

Malga foi transferida para um quarto no sábado (10). Ela agora está acompanhada de um familiar.

De acordo com o novo boletim médico, os rins da empresária, que haviam sido afetados pela doença, voltaram a funcionar. O estado dela é considerado estável.

Na última quinta-feira (8), Malga já havia tido uma melhora substancial. Ela já estava respirando sem a ajuda de aparelhos e os médicos haviam cessado a administração de sedativos.

A mãe de Malga, dona Udila, também tem previsão de receber alta da UTI em breve. O boletim médico diz que ela continua estável e que respira sem a ajuda de aparelhos.

Udila também recebeu diagnóstico positivo para a Covid-19. Ela está internada no Hospital São Francisco de Assis de Parobé (RS).

"Agradecemos todo carinho e orações de todos amigos e fãs", diz a família de Malga. "Nossa corrente de energia de cura continua para nossa guerreiras e todos acamados por esta e outras doenças. Nosso carinho às famílias que perderam entes queridos."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos