Vestido de Marilyn Monroe fica danificado após Kim Kardashian usar no Met Gala

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A conta do Instagram da Coleção Marilyn Monroe postou novas fotos na segunda-feira (13) do antes e depois do icônico vestido usado pela socialite e empresária Kim Kardashian, 41, no Met Gala, que aconteceu no início do mês de maio. As imagens mostram sinais do tecido esticado e falta de cristais ao redor do fechamento nas costas da peça.

Kardashian revelou na época que emagreceu 16 quilos antes do evento para se espremer no vestido histórico que Marilyn usou para cantar "Feliz Aniversário, Sr. Presidente", nos Estados Unidos, em 1962. No dia do baile, ela precisou de ajuda do namorado Pete Davidson porque tinha dificuldades para andar com o vestido justo.

Um representante do Ripley's! O Museu Believe It Or Not -que emprestou o vestido para Kardashian e atualmente está exibindo a peça em sua localização em Hollywood-não respondeu ao pedido de comentário da Page Six.

"Kim nunca deveria ter usado aquele vestido para começar. Quero dizer, sim, é bom prestar homenagem a Marilyn, mas ela poderia ter um vestido novo feito e replicado. Este era um artefato atemporal e icônico que foi arruinado", uma pessoa comentou no Twitter. "Deixe para Kim destruir uma obra de arte histórica", comentou outro usuário da rede.

"Parabéns ao Met Gala por apresentar um exemplo real de por que um departamento de conservação como o Costume Institute é necessário para roupas historicamente significativas", disse outro internauta.

Antes mesmo das críticas dos internautas, o estilista Bob Mackie, 82, que desenhou o icônico vestido de Marilyn Monroe, reprovou a escolha de Kardashian usá-lo no Met Gala. Mackie fez a crítica em entrevista ao site Entertainment Weekly.

"Achei que era um grande erro", afirmou. "[Marilyn] era uma deusa. Uma deusa louca, mas uma deusa. Ela era simplesmente fabulosa. Ninguém fotografa assim. E foi feito para ela. Foi projetado para ela. Ninguém mais deve ser visto com esse vestido", completou.

Mackie desenhou o design do vestido em 1962 para Jean Louis, responsável por confeccionar a peça que Monroe usou para fazer uma serenata para o então presidente dos Estados Unidos John Kennedy, em seu aniversário de 45 anos. A cantora morreu menos de três meses depois.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos