Vera Viel diz que chorava por ciúmes de Rodrigo Faro: "Fazia questão de ir na gravação"

Bárbara Saryne
·2 minuto de leitura
A esposa de Faro abriu o coração (Foto: Reprodução/Instagram/@veraviel)
A esposa de Faro abriu o coração (Foto: Reprodução/Instagram/@veraviel)

Rodrigo Faro e Vera Viel estão juntos há 22 anos. O casal, que é muito admirado nas redes sociais, adora compartilhar momentos fofos em família. A harmonia, porém, nem sempre esteve presente. Em uma live com a ex-BBB Mariana Felício, Vera abriu o coração sobre o início do relacionamento. Ela contou que sofreu muito por sentir ciúmes do artista.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“O Rodrigo era ator e eu tinha que ver ele beijando a boca de outras atrizes. Eu chorava, odiava. Fazia questão de ir na gravação. Eu passava o texto com ele sabendo que entrando no estúdio ele ia beijar a boca de outra mulher. Eu sofri muito”, diz ela, que é mãe de Clara, Maria e Helena.

Segundo Vera, a maturidade foi chegando aos poucos e hoje não existe mais crises de ciúmes. “Fui adquirindo confiança da parte dele. Ele sempre me falava ‘Vera, tem ator que se apaixona pela atriz porque passa muito tempo no trabalho, mas se eu quero estar com você é porque quero estar com você’. Ele foi me passando essa segurança e eu fui vendo que a gente se amava de verdade”, conta.

Veja também

Quando Faro recebeu uma proposta para ser apresentador na Record, Vera Viel diz que foi uma das pessoas que mais incentivou a mudança, afinal, o marido não precisaria mais beijar outras mulheres. “Sempre fui companheira dele. Amei quando virou apresentador (risos). Acho que todo casal tem ciúmes, mas hoje isso não é uma coisa que atrapalha o nosso relacionamento. Ele é tão família que as pessoas nem se aproximam com essa intenção”, afirma.

No bate-papo, a atriz ainda falou sobre perrengues no início da carreira. Ela lembra de acompanhar o marido em mais de três festas de debutante por noite para ganhar dinheiro. O desejo de aumentar a família surgiu apenas quando o apresentador já estava consolidado no mercado.

“Muita batalha, trabalho, noites sem dormir. O Rodrigo fazia muitos trabalhos para guardar dinheiro. Ele nunca se deslumbrou com a profissão. O pai dele tinha problema com alcoolismo e eu larguei tudo para ser mãe. Não tive ajuda nenhuma. Só quando fiquei grávida da Maria é que a gente conseguiu ter alguém para ajudar”, revela.

Veja a conversa completa:

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube