Velma: O que esperar da animação adulta de Scooby-Doo? Veja o que a crítica está falando da série da HBO Max

Anunciada no ano passado, Velma é mais um dos projetos que exploram a propriedade intelectual da Hanna-Barbera, Scooby-Doo, de maneira inusitada. Conduzida por Mindy Kaling, conhecida por The Office e Eu Nunca..., a trama acompanhará as origens da detetive que dá nome ao seriado, bem como o encontro dos integrantes da Mistério S/A.

Lançada nesta quinta-feira (12) com dois episódios, a produção foi descrita desde o primeiro momento como um projeto adulto, para maiores. Nela, diferente da série original, em sua própria série Velma vive situações muito mais complexas e deve enfrentar criminosos muito mais violentos.Preparada para tudo, a inteligente investigadora não tem medo de nada e encara as situações com toda a sua habilidade de decifrar mistérios.

Para quem decidiu embarcar nos dois primeiros episódios da atração ou ainda está na dúvida sobre o projeto, o AdoroCinema separou trechos de algumas críticas da mídia especializada, de jornalistas que já assistiram a temporada inteira.

Angie Han, do The Hollywood Reporter, criticou o excesso de humor metafórico em comparação à falta de coração da trama. No entanto, ela pondera: "Velma nunca perde de vista sua afeição por sua heroína. O elemento mais cativante de Velma é, paradoxalmente, o quão desagradável ela pode ser - quão egoísta, hipócrita, emocionalmente confusa no caminho de adolescentes traumatizados, mas também superexcitados desde tempos imemoriais - e o quanto o show parece apreciá-la de qualquer maneira".

Lauren Mechling, do The Guardian, descreveu velma como uma "reimaginação corajosa" e pediu para os fãs entendessem que o caos faz parte desta trama: 'Olhe além das baratas copulando e piadas de anatomia que dependem de cenouras, não é? Velma é uma paródia sobrenatural em sua forma mais caótica", disse a jornalista. Para ela, a produção apresenta a "solucionadora de mistérios para um público mais velho e oferece a ela uma série de novas aventuras divertidas, assustadoras e astutas".

Lembrando que animação original já existe há mais de 50 anos, a CNN dá uma alfinetada nos fãs que disseram que a reimaginação iria arruinar a infância do público. Todavia, o jornal destaca que Velma não consegue aproveitar a oportunidade de reformulação e brinca que trata-se de "uma ideia divertida que parece uma ótima maneira de reapresentar aquelas crianças intrometidas, mas que, finalmente, não é inteligente o suficiente para se safar".

O IGN aponta que "esta é [a franquia] Scooby-Doo através da mesma lente adulta que fez da série Harley Quinn da DC um sucesso, e quando funciona, funciona extremamente bem". O veículo completa: "Humor atrevido e algumas histórias inteligentes fazem de Velma um passeio genuinamente divertido, mas teria sido elevado ao status de observação obrigatória se tivesse ido em uma direção diferente com a estrela de óculos."

Com dez episódios na primeira temporada, Velma terá a exibição de novos capítulos sempre às quintas-feiras.

Leia o artigo em AdoroCinema

The Last of Us: Adaptação fiel e expansiva dos jogos, série com Pedro Pascal é mais uma obra-prima da HBO (Crítica)

The Last of Us: "Se você tentasse replicar os jogos, seria chato", revela criador sobre diferenças da adaptação da HBO (Entrevista)

Velma: Primeira imagem do spin-off adulto de Scooby-Doo surpreende por nudez e brutalidade; conheça a série da HBO Max

Scooby-Doo: Velma revela ser lésbica em cenas inéditas do novo filme do desenho