Val Marchiori é condenada pela Justiça e deve pagar R$ 10 mil para Ludmilla

Socialite perde processo após fazer comentário racista na TV (Reprodução/instagram.com)
Socialite perde processo após fazer comentário racista na TV (Reprodução/instagram.com)

Após fazer um comentário considerado racista durante a cobertura da Rede TV! do Carnaval de 2016, Val Marchiori, 43, perdeu um processo movido na Justiça pela cantora Ludmilla, 23, e deverá indenizar a funkeira em R$ 10 mil.

De acordo com o jornal “O Globo”, a socialite foi condenada pela 3ª Vara Cível da Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, em uma ação que transitava há 2 anos. Na época, Val comparou o cabelo de Ludmilla com uma famosa marca de esponja de aço. A fantasia está bonita, a maquiagem também. Agora, o cabelo… ‘Hello’! Esse cabelo dela está parecendo um bombril”, disparou ela.

Leia mais:
Joaquim Lopes desabafa sobre bullying sofrido no passado: ‘Foi um suplício para mim’
Fátima Bernardes revela onde aconteceu o primeiro beijo entre ela e Túlio Gadelha

Na ocasião, Ludmilla desabafou na web depois de saber do ocorrido. “Quem é essa pessoa? O que fiz pra ela? O que ela fez pra chegar onde está? E vi que não valia a pena ficar com raiva dela, nem bater boca. Tenho consciência de tudo que passei para chegar aqui, vim de baixo sim, mas lutei muito para chegar onde estou e o mais importante, com um trabalho digno. Ser chique é ter valor e não preço”, disse ela que ouviu um pedido de desculpas público de Val Marchiori logo em seguida.