Uma incrível coincidência fez Chay Suede interpretar Erasmo Carlos no cinema

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Chay Suede como Erasmo Carlos em "Minha Fama de Mau" (reprodução)
Chay Suede como Erasmo Carlos em "Minha Fama de Mau" (reprodução)

A TV Globo exibe neste sábado no Supercine o filme "Minha Fama de Mau", a cinebiografia de Erasmo Carlos. Lançado no ano passado nos cinemas, o filme nacional conta com Chay Suede no papel do Tremendão - algo que só se concretizou por causa de uma impressionante coincidência.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“Eu tinha ido ao lançamento de um carro que tinha um show do Erasmo e fui dar um abraço nele", contou Chay à Veja. "Tiramos uma foto e, na volta para casa, eu comentei com meu empresário que ainda não tinham feito um filme sobre o Erasmo nem sobre a Jovem Guarda e que eu poderia fazer o Erasmo."

Leia também

"No dia seguinte, a produtora do filme, sem que ela soubesse do nosso encontro, me mandou um convite para fazer o teste. E eu nem fazia ideia de que o filme estava sendo produzido", continuou o ator. "E aí o filme já começou cheio de situações especiais. Quando eu fui fazer o teste, mesmo porque não acredito em coincidência, eu tive certeza que o papel era meu”.

A história foi confirmada por Lui Farias, diretor do longa, ao Uol. "Eu não tinha um ator para fazer o Erasmo. Um dia eu vi uma foto dos dois e percebi que eles tinham uma energia semelhante. E me caiu a ficha de que era isso que eu precisava. Pedi pra falar com o Chay, que já chegou falando: 'Bicho, eu ontem estive com Erasmo e queria fazer um filme da vida dele quando fui convidado para conversar contigo'", contou.

O longa ainda conta com Gabriel Leone na pele de Roberto Carlos e Malu Rodrigues como Wanderléa num enredo que reconta a trajetória de Erasmo Esteves rumo ao posto de ícone da Jovem Guarda e do rock nacional. "Foi uma alegria muito grande de homenageá-lo enquanto vivo, e poder dar de presente pra ele essa biografia", disse Chay sobre Erasmo Carlos. Veja os dois cantando juntos abaixo:

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos