Tumba múltipla é descoberta em cidadela pré-hispânica no Peru

·1 min de leitura

Uma equipe de arqueólogos encontrou uma antiga tumba múltipla contendo restos mortais de 25 pessoas, incluindo mulheres e crianças, na cidadela pré-hispânica de Chan Chan, no Peru, informou um pesquisador nesta quinta-feira.

“A pesquisa arqueológica em uma área de apenas 10 m² revelou um contexto funerário múltiplo, no qual foram documentados restos ósseos correspondentes a 25 indivíduos, em sua maioria mulheres, jovens e algumas crianças”, descreveu o arqueólogo Jorge Meneses.

A tumba múltipla foi encontrada há três semanas, cerca de 500 km ao norte de Lima, com restos humanos quase intactos. No local também havia 70 objetos de cerâmica e relacionados ao trabalho têxtil.

“Todos os objetos encontrados junto a eles têm a ver com a produção têxtil. Provavelmente essas pessoas se dedicavam a isso”, indicou Sinthya Cueva, diretora do Programa de Pesquisas Arqueológicas de Chan Chan.

A cidadela era administrada pela classe governante da cultura Chimu, cujos membros costumavam ser enterrados em plataformas funerárias, em estruturas maiores, segundo a diretora. A cidadela foi declarada Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1986, mesmo ano em que foi incluída na lista de Patrimônio Mundial em Perigo, devido à ação de invasores, a vazamentos de água do mar e às chuvas.

cm/fj/dg/rsr/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos