Tragédia em Pernambuco: Gkay doa 100 mil; Anitta, Ludmilla e mais se manifestam

Recife, Brasil (Foto: Diogo Duarte/Anadolu Agency via Getty Images)
Recife, Brasil (Foto: Diogo Duarte/Anadolu Agency via Getty Images)

Desde o fim de semana, o estado de Pernambuco vem enfrentando consequências das fortes chuvas que atingem litoral do Nordeste. Já são mais de 90 mortes confirmadas no Grande Recife. O presidente Jair Bolsonaro (PL) sobrevoou na manhã desta segunda-feira (30) as áreas atingidas.

Nas redes sociais, as celebridades se manifestam e pedem doações e demais formas de ajuda. O ex-presidente Lula escreveu: "Minha solidariedade com as famílias da região metropolitana do Recife que estão sofrendo com as fortes chuvas. Me coloco à disposição dos prefeitos das cidades atingidas e do governo de Pernambuco no que for possível ajudar no enfrentamento dessa tragédia".

Confira mais posicionamentos:

  • Ludmilla: Estou entendendo como posso ajudar. Contem comigo!"

  • Juliette pediu que seguidores divulguem ONGs e instituições que estão trabalhando para ajudar quem foi afetado.

"Que dor", escreveu o cantor. (Foto: Reprodução/Instagram @joaogomescantor)
"Que dor", escreveu o cantor. (Foto: Reprodução/Instagram @joaogomescantor)
  • A influenciadora digital Gkay doou 100 mil reais. "Vamos ajudar Recife, por favor", pediu.

Gkay fez uma doação para ajudar população de Pernambuco. (Foto: Reprodução/Instagram @gessicakayane)
Gkay fez uma doação para ajudar população de Pernambuco. (Foto: Reprodução/Instagram @gessicakayane)
  • Gil do Vigor, outro pernambucano, chamou atenção para situação de Alagoas.

"A gente não pode parar de ajudar", clamou Gil. (Foto: Reprodução/Instagram @gildovigor)
"A gente não pode parar de ajudar", clamou Gil. (Foto: Reprodução/Instagram @gildovigor)

Entenda

No estado de Pernambuco, pelo menos 33 pessoas morreram até a tarde do sábado (28), quando as chuvas provocaram deslizamentos de terra que varreram bairros urbanos nas encostas, segundo a conta oficial do estado no Twitter. Outras 765 pessoas foram obrigadas a deixar suas casas, pelo menos temporariamente, segundo o governo do estado.

As autoridades do estado vizinho de Alagoas registraram duas mortes, de acordo com o serviço federal de emergência do Brasil.

No final de dezembro e início de janeiro, dezenas foram mortos e dezenas de milhares deslocados quando as chuvas atingiram o estado da Bahia, também localizado no nordeste do Brasil. Pelo menos 18 morreram em inundações no estado de São Paulo no final de janeiro. Em fevereiro, chuvas torrenciais nas montanhas do estado do Rio de Janeiro mataram mais de 230.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos