Trabalho doméstico pode ser tão eficaz quanto academia, diz estudo

Reprodução/Pixabay PublicDomainPictures

Se você detesta academia, há algumas opções ao seu alcance que podem ajudar a obter os mesmos resultados. Pelo menos é o que indica um estudo recente publicado no The Lancet, que afirma que o trabalho doméstico pode ser tão saudável quanto suar na academia.

De acordo com pesquisadores, 30 minutos de exercícios diários reduz 28% o risco de morte prematura e um quinto as doenças do coração. No entanto, não é preciso se matar na esteira para conseguir esses benefícios. A pesquisa indica que, seja andando para o trabalho ou apenas fazendo uma faxina, a atividade física é relevante, desde que complete a meia hora diária recomendada.

Cerca de 130 mil pessoas de 17 países participaram do estudo e foi descoberto que independente da forma como se exercitam, ser fisicamente ativo nessa pequena quantidade diária aumenta o tempo de vida e reduz os riscos de doenças.

“Ir para a academia é ótimo, mas só se tivermos tempo para gastar lá. Se andarmos para o trabalho, ou na hora do almoço, isso irá ajudar também”, disse Scott Lear, que lidera o estudo. Scott e sua equipe afirmam que se todas as pessoas aderissem a esse comportamento, as doenças cardíacas seriam reduzidas em 4,6%.