Tom Hiddleston sobre Loki ser bissexual: "Um pequeno passo e ainda falta muito"

Tom Hiddleston em
Tom Hiddleston em "Loki". Foto: Divulgação/Marvel

Resumo da notícia:

  • Tom Hiddleston sobre Loki ser bissexual: "Um pequeno passo e ainda falta muito"

  • Ator refletiu sobre o personagem ser o primeiro protagonista LGBTQ+ do MCU

  • Diretora da série comentou sobre a importância de expor a sexualidade dos protagonistas

Marcado por assumir o primeiro protagonista LGBTQ+ do Universo Cinematográfico Marvel, Tom Hiddleston refletiu sobre a importância dessa representatividade na trama em "Loki". Na cena em questão, o personagem revela ser bissexual para Sylvie, vivida por Sophia Di Martino.

Intitulado "Lamentis", o terceiro episódio da produção exibe uma conversa da dupla sobre a vida amorosa. "E você? Você é um príncipe. Deve ter sido pretensas princesas ou, talvez, outro príncipe," questiona Sylvie. "Um pouco dos dois. Suspeito que o mesmo ocorra com você," responde ele.

Em entrevista ao The Guardian, Hiddleston refletiu sobre a introdução da sexualidade no enredo. "Espero que o fato de Loki se assumir bissexual tenha sido significativo para os espectadores da série. Foi um pequeno passo, e ainda falta muito. Mas foi definitivamente importante para todos nós," declarou.

Kate Herron, diretora de "Loki", chegou a comentar nas redes sociais como o feito foi importante para ela por ser bissexual. A partir do momento em que entrei em 'Loki', era muito importante para mim e meu objetivo: reconhecer que Loki era bissexual. É uma parte de quem ele é e quem eu sou também", escreveu ela.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo: