Tom Brady e Gisele Bündchen compram fatia de corretora de criptomoedas

·1 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL, 26-08-2014 - Retrato da top Gisele Bundchen. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, BRASIL, 26-08-2014 - Retrato da top Gisele Bundchen. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O casal Gisele Bündchen e Tom Brady viraram acionistas da FTX, corretora de criptoativos. A notícia foi anunciada pela Bloomberg e compartilhada no Twitter oficial da empresa e de seu presidente, Sam Bankman-Fried, nesta terça-feira (29).

"Nós estamos orgulhosos de anunciar Tom Brady como o novo embaixador da FTX e Gisele como conselheira de iniciativas ambientais e sociais", afirmou o perfil oficial da FTX na rede social.

Não houve mais detalhes sobre de quanto seria a fatia que o casal teria comprado da corretora mas, segundo a Bloomberg, ambos receberão uma quantia específica de um criptoativo.

A corretora e seus novos sócios também se comprometeram a doar contribuições anuais multimilionárias para instituições de caridade pelo tempo em que a parceria durar.

A FTX foi lançada em 2017 e, desde então, tem ganhado espaço no mercado voltado a criptomoedas.

A empresa também tem apostado no mundo dos esportes. No início de junho firmou um acordo com a MLB (Major League Baseball), por exemplo. A corretora também renomeou o estádio time de basquete Miami Heat para FTX Arena, se tornando a primeira empresa de criptomoedas a nomear um estádio da NBA.

Nesta terça-feira (29) perto das 15h25, o bitcoin era negociado a R$ 179,4 mil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos