Grávida, Titi Müller desabafa sobre solidão na quarentena: 'Um vazio enorme'

Titi espera seu primeiro filho. Foto: Reprodução/Instagram (@titimuller_)

O período de isolamento social necessário devivo à pandemia do novo coronavírus tem se mostrado muito difícil para algumas pessoas que estão tendo dificuldade em se acostumar com uma rotina, muitas vezes solitária. E quem parece estar passando pela mesma dificuldade é a apresentadora Titi Müller.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Ela usou sua conta no Twitter para desabafar sobre a falta que tem sentido da irmã e como tem sido difícil passar as últimas semanas de sua primeira gestação longe da família.

Leia também

“Não aguento mais ficar longe da minha irmã. [Estou] pensando em chamar ela pra quarentenar duas semaninhas aqui em casa, não me julguem. Tá muito difícil manter a saúde mental com essa solidão e barrigão", escreveu ela na rede social, sem explicar se falava sobre Tainá ou Tuti Müller, suas irmãs.

Apesar de estar de quarentena em casa com o marido, Tomás Bertoni, Titi falou que passa a maior parte do tempo sozinha. “Tomás passa o dia inteiro trabalhando e eu fico olhando para as paredes e para a pilha de coisa que tem para fazer antes do Benja chegar. Nem faxina tá rolando direito. Hoje é meu último dia de trabalho e bateu um vazio enorme, grávida precisa de afeto tanto quanto de vitaminas. Como faz?”, completou.

Titi está grávida de meses do primeiro filho, Benamin, que deve nascer em maio.