'The Handmaid’s Tale': o que esperar da 3ª temporada?

Elisabeth Moss, estrela de The Handmaid's Tale" (Foto: Reprodução/IMDB)

Estreou no último domingo, 18 de agosto, a 3ª temporada de 'The Handmaid’s Tale’ no Brasil. Desde sua estreia, em 2017, é uma das séries de maior sucesso de crítica e público, tanto que sua nova temporada já era ansiosamente aguardada por seus fãs.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Produzida pela plataforma norte-americana Hulu, no Brasil seus novos episódios passam com exclusividade no canal pago Paramount Channel. Inicialmente, foram liberados os três primeiros episódios, e os demais serão lançados semanalmente, aos sábados, 20 horas.

Baseada no romance homônimo de Margaret Atwood, The Handmaid’s Tale ('O Conto de Aia’, em português) se passa na fictícia Gilead, uma sociedade totalitária governada por um regime fundamentalista teocrático e violento, onde antes era os Estados Unidos.

Leia também:

Escravas sexuais

Em Gilead, como o país antes da tomada de poder pelos fundamentalistas passava por uma época baixa taxa de natalidade, por conta de altos níveis de poluição, as poucas mulheres férteis remanescentes são forçadas a servir como “aias” – escravas sexuais para engravidar e repovoar a sociedade.

Depois de duas temporadas tensas e repletas de momentos dramáticos e violentos, nos quais a personagem principal (June Osborne, interpretada brilhantemente por Elizabeth Moss) passa pelas mais absurdas situações, como será essa 3ª temporada?

Selecionamos algumas novidades (mas sem spoilers) para você saber o que esperar da 3ª temporada de Handmaid’s Tale.

A mudança de postura de June


A atriz Elizabeth Moss (Foto: Harmony Gerber/FilmMagic)

Nessa temporada, June cansou de ser vítima. É importante lembrar que, no episódio final da 2ª temporada, ela finalmente teve a chance de escapar para o Canadá, mas em uma reviravolta impressionante (e controversa) resolve ficar em Gilead e lutar por sua filha mais velha, Hannah. June entrega sua bebê para Emily (Alexis Bledel), que promete cuidar da pequena Nicole em liberdade.

A nova postura de June é a resposta para sua decisão de permanecer em Gilead. Ela não quer só sobreviver e resgatar Hannah, ela quer desestruturar Gilead.

Menos violência e mais resistência

Gilead é uma sociedade brutal e autoritária, e por isso, a violência faz parte de sua estrutura. Mas o foco da 3ª temporada não será as atrocidades dos líderes, mas a reação das pessoas subjugadas, aias e marthas. Claro que podemos esperar situações violentas, mas o ponto principal é a rede de Resistência que se formou ao longo dos anos de dominação autoritária.

Tia Lydia

A atriz Ann Dowd (Foto: Mario Anzuoni/Reuters)

No final da 2ª temporada, a terrível Tia Lydia (Ann Dowd) foi esfaqueada por Emily, em uma das cenas mais emocionantes da série. O seu destino parecia em aberto, mas os teasers e trailers da nova temporada revelam que ela sobreviveu ao ataque. Além disso, em algum dos 13 episódios dessa nova temporada, teremos finalmente o flashback sobre o passado de Tia Lydia.

A bebê Nicole

A pequena Nicole, filha de June com o motorista Nick Blaine e que é arbitrariamente considerada filha do casal Waterford, começa a nova temporada em liberdade no Canadá, nos braços de Emily. Mas sua fuga vai gerar vários acontecimentos e controvérsias nos próximos episódios.

Serena Joy

A atriz Yvonne Strahovski (Foto: Mario Anzuoni/Reuters)

A esposa do Comandante Waterford, Serena Joy (Yvonne Strahovski), acaba ajudando na fuga de Nicole no final da última temporada, para garantir um futuro de liberdade para bebê. Mas sua atitude trará diversos questionamentos e consequências para ela. Sua personagem promete ter um grande destaque nessa temporada.

Comandante Lawrence

Bradley Whitford (Foto: Phil McCarten/Reuters)

O Comandante Lawrence, interpretado por Bradley Whitford, apareceu na última temporada como um personagem misterioso, que não se sabe ao certo suas intenções. Ajudou sua aia Emily e, de certa forma, June. Agora, sua importância, e de sua esposa, se torna ainda maior na trama de resistência.

Novos personagens e atores

Além do elenco principal que participa desde o início da série – Elisabeth Moss, Joseph Fiennes, Yvonne Strahovski, Ann Dowd , Alexis Bledel e O.T.Fagbenle –, a continuação tem ainda Elizabeth Reaser e Christopher Meloni. Eles interpretam o Alto Comandante George Winslow e sua esposa, Olivia Winslow. O casal é importante e influente na hierarquia de Gilead e trará novas emoções para história.

Além do Paramount Channel, The Handmaid's Tale também está no catálogo do Globoplay, contendo a 1ª e 2ª temporada.