Thamara Terez, participante de 'Casamento Às Cegas', diz que vai processar ex-namorado após acusações

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A participante da segunda temporada do reality show Thamara Therez afirmou em sua página oficial do Twitter que irá entrar na justiça para lidar com as acusações feitas pelo ex-namorado. Ele a acusou de ainda estarem em um relacionamento de oito anos quando se inscreveu, em segredo, no programa.

"Mais um dia que a mulher que não se rende a chantagem emocional e a tortura psicológica tem que provar o seu caráter. Cansada de ter sempre que provar sozinha. Agora vai ser na justiça", postou. A publicação se refere à diversas postagens que Breno Sedano divulgou no Instagram.

Ele diz que Thamara foi para São Paulo em fevereiro de 2022, quando ainda moravam juntos, após ela afirmar que conseguiu um trabalho na área de advocacia. Mas que, na verdade, a viagem seria para o confinamento obrigatório feito com os participantes programa.

"Viajamos em fevereiro. Na volta, ela falou que apareceu um trabalho de advocacia em São Paulo. Depois de um mês disse que estava noiva", escreveu. Breno ainda acredita que Thamara se inscreveu no programa muito antes, em junho de 2021, pois as inscrições "acontecem sempre no meio do ano".

"Só esperou concretizar para sair de casa", postou. Por fim, Sedano afirmou que só se manifestou agora pois não queria prejudicar a antiga companheira. "Por fim, não sintam ranço dela. Não existe certo ou errado, ela fez o que ajudou que seria melhor. E está tudo bem", pediu.