Tatá Werneck pede doações e é criticada: "Que porre ser julgada"

Bárbara Saryne
·1 minuto de leitura
Foto: Reprodução/Instagram (@tatawerneck)
Foto: Reprodução/Instagram (@tatawerneck)

Tatá Werneck está preocupada com as pessoas que não têm condição de comprar álcool em gel, alimentos e outros produtos básicos durante a quarentena por conta da pandemia do novo coronavírus. A apresentadora usou o Twitter para pedir doações, mas foi duramente criticada pelos internautas.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

“Se ela que é milionária não quer doar, imagino o lascado que não pode nem trabalhar... abre a mão querida, pede para o Faustão, Huck e Ana Maria Braga”, escreveu um seguidor. Chateada com a repercussão, Tatá rebateu o comentário. “Quem disse que não doei? Aff, que porre ser julgada querendo ajudar”, disse ela.

Leia também

Na publicação em que pediu as doações a humorista falou sobre a importância de ajudar as comunidades. “Amigos, pessoas privilegiadas: PRECISAMOS DOAR PARA AS COMUNIDADES! PRECISAMOS! É NOSSA OBRIGAÇÃO! Escolham um projeto social de uma comunidade. Doem álcool gel, cestas básicas e sabonete. Orientem esses projetos a organizarem de uma forma que não gere aglomeração”, orientou.

Tatá contou que conseguiu comprar uma quantidade considerável de álcool em gel em um estabelecimento e que o produto será entregue para uma comunidade do Rio de Janeiro, mas não avisará antes para os moradores do local para não gerar confusão e aglomeração.