Taís Araújo sobre assédio: 'Chamar de gostosa na rua é super agressivo'

Atriz comenta diferença entre galanteio e assédio (Reprodução/instagram.com/taisdeverdade)

A atriz Taís Araújo, 39, é famosa por dizer o que pensa e pela forte atuação contra o preconceito e o racismo. Em conversa com a revista “Joyce Pascowitch”, ela deu a sua opinião sobre o assédio.

“Galanteio é galanteio, assédio é assédio. Acho que não tem nem que polemizar. Chamar a mulher de gostosa na rua é superagressivo”, disse a artista que vive a personagem Michele no seriado da TV Globo “Mister Brau”.

Leia mais:
Pabllo Vittar se revolta com notícia e afirma: ‘Vocês são podres’
Giovanna Lancellotti solta o verbo após tentativa de assalto: ‘Medo e impotência’

A famosa também comentou sobre a parceria dela com o marido, o ator e apresentador Lázaro Ramos, 39. “Nossas carreiras foram muito prósperas e separadas. Claro que nos últimos três anos a gente teve um salto grande, deu uma virada. Só que calhou de a gente virar junto”, declarou Taís.