'Ta na Hora do Jair já ir Embora', hit das eleições, levanta o público na posse de Lula

BRASÍLIA, DF, 01.01.2023 - LULA-POSSE-DF - O presidente Lula, com a primeira-dama Janja, o vice-presidente Geraldo Alckmin e sua mulher, Lu Alckmin, na subida da rampa do Palácio do Planalto, durante cerimônia de posse, neste domingo (1º). (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)
BRASÍLIA, DF, 01.01.2023 - LULA-POSSE-DF - O presidente Lula, com a primeira-dama Janja, o vice-presidente Geraldo Alckmin e sua mulher, Lu Alckmin, na subida da rampa do Palácio do Planalto, durante cerimônia de posse, neste domingo (1º). (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A música "Tá Na Hora do Jair Já Ir Embora" levantou o público do Festival do Futuro, em Brasília, que aguardava para cantar o grande hit das eleições de 2022, que cravava a derrota de Jair Bolsonaro (PL), nas urnas.

Os músicos Juliano Maderada e Thiago Doidão, autores da canção, subiram ao palco logo após da cerimônia de posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), no Congresso.

Os apoiadores do presidente acompanharam a transmissão do discurso do presidente em telões, entre aplausos a figuras como a ex-presidente Dilma Rouseff e vaias a Arthur Lira, presidente da Câmara, e a Augusto Aras, procurador-geral da República.

Maderada retoma a agenda de shows do Festival do Futuro, foi interrompida para acompanhar a cerimônia de posse. A previsão é de que o evento aconteça até às 3h da manhã. São esperados ainda os shows de BaianaSystem, que terá como convidada Margareth Menezes, ministra da Cultura de Lula, Pabllo Vittar e Valesca Popozuda.

O show voltou a ser interrompido para que o público acompanhasse a continuação da cerimônia, quando Lula passou em revista pelas Forças Armadas.