Suspeito de realizar ataques racistas contra ator Douglas Silva é neonazista

·2 min de leitura
Douglas Silva, Carol Samarão e as filhas (Foto: Reprodução/Instagram/@dsilvaoficial)
Douglas Silva, Carol Samarão e as filhas (Foto: Reprodução/Instagram/@dsilvaoficial)

De acordo com informações do advogado Ricard Brajterman, que representa a família do ator Douglas Silva, o homem investigado como autor dos ataques racistas contra o participante do "BBB 22" é suspeito de ser integrante de um grupo nazista.

Recentemente, o homem foi identificado pela Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância), da Polícia Civil do Rio de Janeiro e também por outra delegacia de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. O suspeito, cujo nome é Aristides Mathias Flach Braga, faz parte de um grupo que planeja ataques também contra judeus e gays.

A delegacia do Rio Grande do Sul irá intimar o homem a prestar depoimento, segundo apuração do site "G1".

Família de ator relata mensagens de ódio e racismo e vai à Justiça

No início da semana, a esposa de Douglas Silva publicou em redes sociais que ela e sua família estão recebendo mensagens de preconceito e ódio contra o ator. Em nota, ela havia prometido ir à Justiça identificar o autor das postagens em um blog, hoje já identificado como militante de um grupo neonazista de Novo Hamburgo, Rio Grande do Sul.

O blog é anônimo e hospedado no site WordPress, com diversos conteúdos racistas contra o ator e também a outros participantes negros e LGBTQIA+ do priograma.

O comunicado fala também sobre ataques a outros participantes do reality show, como Linn da Quebrada. “Familiares, amigos e fãs estão consternados com todas as mensagens de ódio que vêm sendo proferidas ao Douglas Silva e sua família através de um blog anônimo veiculado ao site Wordpress. No mesmo blog, mensagens de ódio são deferidas a Linn, Natália e Luciano”, diz.

Os advogados da família do autor já acionaram a justiça e formalizaram a denúncia.

“Estamos tomando todas as medidas cabíveis para que atos como esses não se repitam. É inacreditável, inadmissível e inconcebível que isso ainda aconteça nos dias atuais", afirma Carol Samarão, esposa de Douglas Silva.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos