Susan Sarandon fará filme sobre organização pró-aborto

(Imagem: divulgação Showtime)

A atriz Susan Sarandon fará o papel da líder de uma organização que ajudou mulheres a fazerem abortos seguros na virada da década de 60 e 70 nos EUA. Ela será uma das protagonistas de ‘Call Jane’, drama inspirado numa história real sobre uma dona de casa (intepretada por Elisabeth Moss, de ‘The Handmaid’s Tale’) que procura o grupo para interromper sua gravidez e passa a trabalhar junto com ele.

Receba no seu Whatsapp as novidades sobre o mundo dos famosos (e muito mais)

O filme, ainda sem previsão de estreia, terá direção de Sian Heder (responsável por comandar episódios de ‘Orange Is The New Black’). “O Coletivo Jane é uma parte importante e fascinante da nossa história, especialmente para as mulheres”, sublinhou Moss, em declaração oficial enviada à imprensa norte-americana, reproduzida pela Variety.

As Janes, como eram chamadas as integrantes da organização, foram fundamentais na luta para a Suprema Corte norte-americana reconhecer o direito das mulheres ao aborto e descriminalizar o ato, em 1973.

Além de ser uma atriz consagrada e vencedora do Oscar, Susan Sarandon é conhecida pelo ativismo político e social demonstrado ao longo da carreira. Ela é engajada não apenas em causas feministas, mas também anti-guerra e anti pena de morte, entre outras.