Surpreenda-se com a alfarroba, o “chocolate” nutritivo

Julia Couto, do AreaM

O que é o que é: tem cor de chocolate, cheiro de chocolate e até um gosto parecido com o de chocolate, mas não é chocolate? A sua resposta poderia ser: milagre. Mas não, a resposta certa para esta pergunta é: alfarroba. Sim, uma leguminosa pouco conhecida no Brasil, mas que promete saciar os desejos das mais fissuradas pelas delícias do cacau.

Leia também:
Mantenha os cabelos hidratados no verão
Chia pode ajudar no emagrecimento


De acordo com a nutricionista Ana Paula Gagliotti, a alfarroba é uma leguminosa da mesma família do feijão e, apesar de ser nativa do mediterrâneo, já é produzida no Brasil. “Em sua forma natural ela parece uma vagem de cor marrom escura e sabor adocicado. A indústria geralmente utiliza a polpa da alfarroba, que é triturada e posteriormente torrada”, diz. Atualmente, a leguminosa pode ser encontrada em lojas de produtos naturais em diversas de formas, como barras, bombons e pó.

Em todas elas, o que predomina é o marrom parecido com o do chocolate ao leite e também o cheiro, que lembra muito o cacau. As vantagens em relação aos chocolates tradicionais são muitas, entre elas o valor nutritivo. “Enquanto o chocolate possui até 23% de gordura e 5% de açúcar, a alfarroba possui apenas 0,7 de gordura e um alto teor de açúcares naturais (em torno de 38% a 45%), como sucrose, glucose e frutose”, conta a nutricionista.

Além disso, a alfarroba é isenta de cafeína, lactose e glúten. “Se tornando assim, uma ótima opção para indivíduos que sofrem de doença celíaca, que são intolerantes a lactose e que possuem outras restrições alimentares”, diz Ana Paula. Mas ainda pode ser melhor. Ela também contém grande quantidade de fibras. Essas fibras naturais ajudam a proteger a mucosa intestinal contra possíveis irritações, podendo assim contribuir para minimizar as agressões intestinais causadas pela diarreia, por exemplo.

Caso você queira se aproveitar ainda mais dos benefícios da alfarroba, é importante saber que ela possui antioxidantes que ajudam a prevenir doenças cardiovasculares e o envelhecimento, “além de vitaminas e minerais como ferro, magnésio e vitamaminas B1 e B2”, finaliza Ana Paula.


Depois de todos esses pontos positivos, é claro que existem alguns pórens. O primeiro é que a alfarroba não possui poucas calorias como você pode estar imaginando. “Assim como qualquer alimento, quando consumido em excesso pode contribuir para o aumento de peso. Mesmo assim, o produto pode ser consumido diariamente com moderação”, explica a nutricionista. Por se tratar de algo doce, a alfarroba não deve substituir uma refeição e sim ser ingerida como uma sobremesa. “Para os viciados em doces e chocolates, ela é uma opção bem mais saudável”, conclui Ana Paula.

Outro porém é em relação ao gosto. Não adianta você achar que o sabor é exatamente igual ao de chocolate, pois não é. De acordo com pessoas que fazem uso da alfarroba, ingerir a barra pura não é tão agradável quanto optar por um bombom ou barrinha de alfarroba com coco e banana, por exemplo.

De qualquer forma, mesmo que o gosto não seja igual, depois de comer um bombom de alfarroba
a vontade de comer algo doce desaparece imediatamente e a sensação de saciedade também aumenta bastante, provavelmente devido ao grande teor de fibras.

Caso você tenha se interessado, ela pode ser encontrada em lojas de produtos naturais e o preço é um pouco mais salgado do que dos chocolates tradicionais.

Veja um comparativo entre a alfarroba e outras opções que levam chocolate:


Veja duas receitas gostosas e que levam alfarroba indicadas pela nutricionista Ana Paula Gaglioti:

Mousse de alfarroba



Ingredientes:
500g de tofu
¾ xícara de farinha de alfarroba
4 colheres de sopa de açúcar mascavado
½ xícara de extrato de soja (leite de soja)

Preparação:
Bata tudo no liquidificador até ficar cremoso. Coloque a mousse em taças individuais e sirva fria.

Gelado de Alfarroba

Ingredientes:
1 xícara de extrato de soja (leite de soja)
2 colheres de sopa de alfarroba em pó
1 colheres de sopa de açúcar mascavo
1 pitada de canela em pó

Preparação:
Bata tudo no liquidificador até ficar cremoso. Se desejar, acrescente pedras de gelo. Sirva gelado.

Leia mais no AreaM