Surfista brasileiro morre em onda gigante em Portugal

Surfista Márcio Freire morreu em onda gigante em Portugal credit:Bang Showbiz
Surfista Márcio Freire morreu em onda gigante em Portugal credit:Bang Showbiz

O surfista brasileiro Márcio Freire morreu na descida de uma onda gigante em Portugal.

O acidente ocorreu na última quinta-feira (5), em Nazaré – litoral conhecido por ter algumas das maiores ondas do mundo.

Ele chegou a ser resgatado por socorristas, mas acabou sofrendo uma parada cardiorrespiratória e morreu no local, de acordo com as autoridades marítimas da área – que adicionaram que esta é a primeira morte relacionada ao surfe na praia de Nazaré, onde Pedro Scooby e Maya Gabeira já sofreram acidentes.

Márcio, que tinha 47 anos, era conhecido por ser parte do trio de surfistas baianos Mad Dogs, que já até ganhou documentário do diretor Roberto Studart.

O atleta não vivia do esporte, trabalhando em diversos empregos diferentes para se sustentar fora da temporada de ondas gigantes.

“Nunca vivi do surfe, nunca ganhei dinheiro com surfe. Eu tive pouquíssimas vezes, contadas no dedo, dinheiro que veio do surfe”, contou ele em entrevista ao canal Let’s Surf.

“Eu não me arrependo disso, não corri muito atrás de patrocinadores. Tenho orgulho, porque consegui fazer tudo por mim mesmo, sem depender de ninguém”, continuou.

“Trabalhei com tudo no Havaí, lavador de louças, em construção, jardinagem, vendedor de frutas. Quando chegava em temporada de ondas gigantes, largava tudo. Aí conseguia conciliar", explicou Márcio.