Sucesso da Netlix "Round 6" desperta interesse em aprender coreano

·2 minuto de leitura
"Round 6"

Por Sangmi Cha e Yeni Seo

SEUL (Reuters) - O interesse em aprender coreano aumentou desde o lançamento da série "Round 6", da Netflix, conhecida como "Squid Game" no exterior, de acordo com serviços de tutoria, ressaltando uma crescente obsessão mundial com a cultura sul-coreana, que vai do entretenimento a produtos de beleza.

O aplicativo de aprendizado de idiomas Duolingo disse que a série de nove capítulos, em que competidores sem dinheiro disputam jogos infantis mortais na tentativa de ganhar 45,6 bilhões de wons (38,2 milhões de dólares), estimulou tanto iniciantes quanto antigos alunos que desejam melhorar suas habilidades.

O Duolingo relatou um aumento de 76% em novos usuários que se inscreveram para aprender coreano no Reino Unido e 40% nos Estados Unidos durante as duas semanas após a estreia da série.

A Coreia do Sul, a quarta maior economia da Ásia, se estabeleceu como um centro de entretenimento mundial com sua vibrante cultura pop, incluindo a banda BTS e filmes como os vencedores do Oscar "Parasita", que aborda o aprofundamento das desigualdades sociais, e "Minari: Em Busca da Felicidade", sobre uma família de imigrantes coreanos nos Estados Unidos.

Apenas nesta semana, o Oxford English Dictionary acrescentou 26 novas palavras de origem coreana à sua edição mais recente, incluindo "hallyu", ou onda coreana, o termo é amplamente utilizado para descrever o sucesso mundial da música, cinema, TV, moda e comida sul-coreanas.

As adições foram bem recebidas pelo presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, nesta semana, que chamou o "Hangeul", o alfabeto coreano, de "poder brando" do país.

"Língua e cultura estão intrinsecamente conectadas e o que acontece na cultura pop e na mídia geralmente influencia as tendências no aprendizado de línguas e idiomas", disse o porta-voz do Duolingo, Sam Dalsimer, por e-mail.

"A crescente popularidade mundial da música, do cinema e da televisão da Coreia está aumentando a demanda pela aprendizagem de coreano."

Existem cerca de 77 milhões de pessoas que falam coreano em todo o mundo, de acordo com a Fundação Coreana para Intercâmbio Cultural Internacional. Catarina Costa, uma portuguesa de 24 anos que mora em Toronto, no Canadá, disse que desde que começou a aprender o idioma, há dois anos, ele tem se tornado mais popular "As pessoas ficam fascinadas quando digo que estou aprendendo coreano", disse Costa, que está estudando pela plataforma de ensino online TalkToMeInKorean.

(Por Sangmi Cha; reportagem adicional de Yeni Seo, Dogyun Kim e Heejung Jung)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 5047 2838))

REUTERS PVB AC

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos