SPFW tem corpos diversos nos desfiles e famosos em looks fetichistas

Em mais um dia da 53ª edição da São Paulo Fashion Week, que acontece desde a última quarta-feira (1º), alguns dos destaques foram os desfiles do estilista Walério Araújo, que trouxe o rapper Xamã em sua estreia nas passarelas, além de celebrar a diversidade de corpos; e da grife Bold Strap, do estilista Pedro Andrade, que colocou famosos como Camila Queiroz em looks fetichistas e optou por subverter a moral e os bons costumes.

Walério Araújo foi o destaque do quarto dia de desfiles, na sexta-feira (3), fechando a noite com looks de plumas, animal print, paetês e transparências, em uma celebração à própria carreira. Além de Xamã, o casting do estilista para a SPFW ainda foi composto pela modelo trans Carol Marra, drags queens e Rita Carreira, referência plus size. Para Walério, seguir o padrão não era uma escolha: "Coloquei na passarela as pessoas que são do meu convívio, sem pensar em número de seguidores", declarou à Vogue Brasil.

Na noite anterior, Pedro Andrade levou às últimas consequências sua ideia quebrar a lógica de que homem veste cueca e mulher veste calcinha com o desfile da Bold Strap. Os looks vão de encontro ao discurso de defesa da moral e dos bons costumes. A partir do conceito queer, Andrade extirpa o ideal de gênero na composição dos looks.

Na passarela, o estilista mostrou botas de borracha, acessórios metálicos de "bondage", meias arrastão, gargantilhas e toda a sorte de itens lidos como sexuais até pouco tempo atrás. A atriz Camila Queiroz, a Angel de "Verdades Secretas", e a cantora Marina Sena, ambas trajadas com o visual sexy que mostra muito mais do que esconde, desfilaram para Andrade. Além das estrelas, a passarela mostrou corpos gordos, magros, pretos, brancos, de meninas, de meninos e, para usar termo que corre nos bastidores, também de "menines".

Com informações da Folhapress

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos