Sony pode faturar US$ 3 bilhões com acordos fechados com Netflix e Disney

·1 minuto de leitura

Recentemente, a Sony Pictures fechou acordos para a partir de 2022 colocar, após a estreia nos cinemas, seus filmes primeiro na Netflix e depois no Disney+ e outros serviços do grupo Disney. Segundo o Deadline, o estúdio pode faturar US$ 3 bilhões com isso.


Valores exatos, entretanto, não foram divulgados. O número é uma estimativa que combina ambas parcerias.


Como parte do acordo, as franquias e filmes da Sony Pictures, como Homem-Aranha, Venom, Jumanji, Uncharted e outras eventuais produções da PlayStation Productions seriam lançados primeiro na Netflix após sua estreia nos cinemas, e iriam para algum serviço da Disney - como Disney+ ou Hulu - após um certo período de exclusividade.


Entre outras coisas, isso permitirá que os filmes do Homem-Aranha estrelados por Tom Holland se juntem aos outros longas do Universo Cinematográfico da Marvel no Disney+. Atualmente, as histórias do herói são as únicas fora do catálogo da plataforma.


Os acordos da Sony começam em 2022 e vão até 2026.