Sony Music deixa a Rússia por causa da guerra na Ucrânia

TÓQUIO (Reuters) - A Sony Music anunciou sua saída da Rússia devido ao conflito na Ucrânia, transferindo a unidade e seus músicos para uma empresa local.

"Como a guerra continua a ter um impacto humanitário devastador na Ucrânia e as sanções à Rússia continuam a aumentar, não podemos mais manter uma presença na Rússia", disse a Sony Music, uma empresa do Sony Group, em comunicado.

A companhia não divulgou mais detalhes da transação.

A Sony Music havia suspendido as operações na Rússia no início deste ano após a invasão da Ucrânia pelas forças de Moscou.

A Rússia classifica suas ações na Ucrânia de "operação especial".

(Por Sakura Murakami e Sam Nussey)