Sogros de Nego do Borel voltam a detonar o genro na web: 'Mau-caráter'

1 / 3

WhatsApp Image 2020-05-30 at 12.43.31.jpeg

Quem pensava que a paz havia reinado entre Nego do Borel e os sogros, está muito engando. Os pais de Duda Reis continuam uma fera com o funkeiro e voltaram a detonar ele nas redes sociais. Na madrugada deste sábado, a sogra voltou a chamar Nego de "mau-caráter" ao responder um comentário de um seguidor no Instagram que afirmava que a filha dela e o cantor "formam um casal lindo".

"Se ele fosse um cara do bem, formaria, sim. Mas como é um mau-caráter, sou obrigada a discordar de você", respondeu a sogra Simone Reis. 
A uma outra seguidora, ela escreveu: "Você já viu um cactos se transformar numa árvore?" No dia que isso acontecer, me avisa!".

Simone seguiu respondendo os comentários e negou que estaria tratando Nego do Borel de forma preconceituosa: "Desvio de caráter é fácil. Dá um Google nessa pessoa e vamos ver o que você pensará! Preconceito, não temos. Minhas amigas de alma são negras. Tenho primas negras e amaria ter netos negros com um pai bom caráter. Vocês só conhecem as coisinhas bonitinhas da internet. A vida real é outra".

O pai de Duda se meteu na discussão e lamentou o fato de a filha não ter tido coragem de falar das agressões que ela teria sofrido do namorado: 
"Pergunte para a nossa filha. Se ela tiver coragem de falar a verdade, você ficará bem informada. Infelizmente, até agora, ela não teve. Mas a verdade sempre vem à tona. Cedo ou tarde", escreveu o sogro,  Nando Barreiros.

Os sogros de Nego do Borel são médicos e acusam o funkeiro de ter maltratado e até agredido fisicamente Duda Reis, e por isso os pais da modelo são contra o relacionamento dela com o cantor.  Nando, inclusive, disse que tem como provar o que disse.

A confusão começou no mês passado, depois que Duda reatou o namoro. Na época, ela chegou a bloquear os pais nas rede sociais. Nando e Simone usaram as redes sociais para detonar o genro. No Dia das Mães, Duda foi até Volta Redonda, no interior do Rio, visitar os pais. Tudo parecia que estava bem. Mas, pelo visto, não.