Shia LaBeouf está internado em clínica de reabilitação após acusações de abuso, diz revista

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Shia LaBeouf, 34, está internado em uma clínica de reabilitação há cerca de cinco semanas. A informação é da revista especializada Variety, que diz ainda que o ator não faz mais parte da agência de talentos CAA, que cuidava da carreira dele. O ator, conhecido pela franquia "Transformers" entre outros filmes, está sendo processado pela ex-namorada FKA twigs por abuso físico durante o relacionamento deles. Após a acusação vir a público, diversas mulheres se manifestaram dizendo que também sofreram o mesmo com ele. De acordo com a publicação, LaBeouf decidiu fazer uma pausa na carreira para se concentrar exclusivamente em se recuperar. A revista diz que não está claro que tipo de tratamento o ator vem recebendo, mas ele já admitiu ser alcoólatra e também ser abusivo em alguns relacionamentos. À revista People, os advogados do ator afirmam que as acusações de FKA twigs não são verdadeiras. "[O ator] nega, de maneira geral e específica, toda e qualquer alegação contida na reclamação dela, nega que ela tenha sofrido qualquer lesão ou perda por motivo de qualquer ato ou omissão por parte dele, e nega que ela tenha direito a qualquer reparação ou indenização." O processo também envolve outra ex-namorada de LaBeouf, a estilista Karolyn Ph. Ela diz que o ator a prendeu bêbada em uma cama e lhe deu uma cabeçada com força suficiente para tirar sangue. Já FKA twigs afirma que foi acordada com LaBeouf em cima ela. O ator teria apertado violentamente os braços dela e a sufocado contra a vontade dela. Em outra ocasião, ele teria tentado estrangulá-la após tê-la atacado violentamente e jogado contra o carro. O processo diz ainda que LaBeouf infectou de propósito a namorada com uma DST (doença sexualmente transmissível). "Shia LaBeouf machuca as mulheres" afirma o processo. "Ele as usa. Ele abusa delas, tanto física quanto mentalmente. Ele é perigoso."