Sharon Stone recomenda criar "quartos do pânico" durante protestos nos EUA

Sharon Stone recomenda a criação de quartos do pânico durante atos (reprodução)

Sharon Stone protagonizou um estranho vídeo em sua conta no Instagram. Endossando os protestos antirracistas nos Estados Unidos, a atriz recomendou que as pessoas construam "quartos do pânico" (ou "cômodos seguros", dependendo da tradução) caso percebam que há ricos das suas casas serem depredadas ou invadidas durante os atos.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“E, se você estiver em qualquer lugar onde se sinta inseguro em sua casa, é isso que eu quero que você faça. Nós vamos criar um quarto do pânico para você. Provavelmente, a aposta mais segura que você tem pode ser o seu banheiro, porque você tem talvez menos janelas ou estará mais escondido lá", disse ela.

Leia também

"Se for o seu banheiro, você deve colocar alguns cobertores e travesseiros na banheira, caso precise dormir lá. Se você sente que [sua casa] pode ser invadida ou não tem mais para onde ir, especialmente se você está tentando se manter em quarentena, você deve levar um cooler, e colocar água lá dentro", continuou.

Stone também pediu para que as pessoas não se esqueçam de levar medicamentos prescitos por médicos para o "quarto do pânico". "E alguns, você sabe, coisas não perecíveis que você pode comer, algumas frutas ou algumas barras de proteínas. Você também deve colocar seu telefone celular e carregadores de computador lá", seguiu.

Com a legenda "mantenha-se calma e siga em frente“, a atriz, conhecida por seus papéis em Instinto Selvagem, Cassino e Vingador do Futuro, conclui o vídeo, após oferecer conselhos de guerra aos seguidores, com um tom mais tranquilo. "Não exagere. Isso vai e vem como todas as coisas", concluiu. Assista abaixo (em inglês).

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.