Sexcare é o novo skincare? Autocuidado promove a normalização do bem-estar sexual feminino

·5 minuto de leitura
Bem-estar sexual feminino é mais do que autocuidado, é autoconhecimento (Arte: Fer Ilustra/Yahoo Brazil)
Bem-estar sexual feminino é mais do que autocuidado, é autoconhecimento (Arte: Fer Ilustra/Yahoo Brazil)

Por Bárbara Canever

Por décadas, a sexualidade das mulheres era considerada um tabu. Após alguns avanços na sociedade, elas andam desvendando o poder do bem-estar íntimo ao surfar na onda do sexual wellness ou sexcare. 

O movimento vem tirando o foco dado, por séculos, apenas ao prazer masculino e mirando agora nos produtos e serviços voltados ao orgasmo feminino, tratando-o como forma de autoconhecimento - o que é de fato. A importância do movimento, nomeado como o “novo skincare”, é gigante. Segundo uma pesquisa feita pela Indiana University, nos EUA, só 39% das mulheres gozam regularmente durante a relação. Entre os homens, o índice é de 91%.

Leia também

De acordo com a ginecologista e obstetra Evelyn Prete, esse movimento, que promove autonomia e poder de decisão das mulheres, é extremamente importante para mudar esses números. 

“O prazer feminino era visto como impuro, pecado e até proibido em determinadas culturas. O ponto principal da relação era sempre o prazer do homem, sem considerar os desejos e preferências femininas. Isso iniciou um processo de submissão das mulheres no sexo, fazendo com que muitas não soubessem explorar seus pontos de prazer, nem obtivessem orgasmos e sequer imaginassem o que seria isso. 

Com o autoconhecimento, muitas mulheres passaram a conhecer melhor o seu corpo, admitindo uma postura mais dominante na hora do sexo e impondo que seus prazeres são tão importantes quanto os do parceiro”, afirma a profissional.

O casal que mantém a vida sexual em dia tende a ter melhores relacionamentos, níveis de estresses menores e menos problemas como insônia, ansiedade e depressão”afirma a médica Evelyn Prete

Mercado aquecido

Com esse despertar, o número de negócios voltados ao mercado erótico em 2020 triplicou em relação a 2019, segundo a Abame (Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico). O levantamento, de fevereiro deste ano, mostrou que 76% das 135 empresas pesquisas cresceram durante a pandemia, com um aumento médio de 10% nas vendas em relação ao período anterior.

Uma das justificativas deste boom é a falta da presença física de um parceiro ou parceira na hora da relação, devido o isolamento social. Portanto, tem sido cada vez mais necessário redescobrir, ou até mesmo reformular, o prazer. Indo contra vários setores da economia que pararam, o mercado de produtos quentes acabou sendo impulsionado: no período de março a maio de 2020, por exemplo, quando comparado a 2019, houve um aumento de 50% na venda de vibradores, de acordo com dados do portal Mercado Erótico.

Autocuidado é beleza e saúde

Atendendo esse público, sedento por autoconhecimento e novidades, marcas de beleza e autocuidado se jogaram em criar vibradores, velas, cremes e lubrificantes que exaltam a libido. Afinal de contas, a relação sexual e o prazer possuem uma energia poderosa que, inclusive, afeta a qualidade de vida. “O sexo está envolvido em uma série de processos de nosso metabolismo, causando bem-estar e manutenção da saúde mental. O casal que mantém a vida sexual em dia tende a ter melhores relacionamentos, níveis de estresses menores e menos problemas como insônia, ansiedade e depressão”, afirma a médica Evelyn Prete.

Lubrificantes com tratamentos

A Simple Organic, marca cruelty free, criou uma edição especial com velas aromáticas 100% vegetais e um lubrificante a base de água com ácido hialurônico, aloe vera e glicerina. O produto foi desenvolvido para lubrificar, hidratar, além de restaurar a umidade da região aplicada. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Sem parabenos e hipoalergênico, o gel lubrificante da Feel já promete aumentar o conforto dos momentos de intimidade. Promove deslizamento suave, gostoso e prolongado pelo corpo, mas nada de ficar grudento. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Pantynova, marca que possui um longo catálogo de vibradores, criou um gloss lubrificante, uma verdadeira experiência sensorial com sabor levemente adocicado.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Evelyn destaca que a pedida pode ser boa opção para melhorar a relação. “Os lubrificantes podem auxiliar, tornando a relação mais prazerosa e evitando desconfortos e até mesmo lesões por ressecamento genital. Pode ser usado também como artefato erótico, apimentando o momento a dois do casal e estimulando o desejo a receptividade sexual da mulher”.

Para tomar

A Lubs e a Holistix apostaram em um mix em pó com maca peruana, que atua de forma positiva no equilíbrio hormonal, ajudando o corpo a produzir hormônios na proporção ideal. 

“Pode ser usada para diversos fins, inclusive para aumentar o desejo sexual. A maca apresenta propriedades estimulantes, tônicas e antidepressivas por isso, é considerada um poderoso estimulante sexual, sendo indicada para aumentar o desejo sexual, comenta a nutricionista Andrea Marim. Já nos homens, por exemplo, aumenta a testosterona. “Além de diminuir o cansaço e fadiga, melhora a concentração e o raciocínio devido à quantidade de ácidos graxos. A maca ajuda a otimizar a produção hormonal e aumenta a vitalidade, por isso, é uma ótima opção para ajudar a reduzir a ansiedade e os sintomas de depressão”, revela a profissional.

Troca de energias

Criada pela designer Tati Freitas, a Mitra foge dos brinquedos eletrônicos. Com peças em cristais, a marca propõe prazer com energias positivas que agradam o corpo, a mente e alma através do poder das pedras, que são 100% certificadas e extraídas no Brasil. 

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Tratando com normalidade

O burburinho quente não passou despercebido pela Amaro, gigante da moda feminina online, que começou a explorar o mercado wellness em 2020.

"Entendemos a importância de trazer discussões sobre a sexualidade feminina com a mesma naturalidade com que se fala de estilo ou rituais de beleza, e incentivar as mulheres a se conhecerem mais e saber o que lhes dá prazer. Como uma marca feminina, acreditamos que é importante normalizar essas conversas para as mulheres se sentirem cada vez mais livres", conta Denise Door, diretora de marketing.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos