'Ser preta, favelada e rica no Brasil é um problema', desabafa Jojo Todynho

Jojo Todynho credit:Bang Showbiz
Jojo Todynho credit:Bang Showbiz

Jojo Todynho revelou que seu sucesso não a protege de ser alvo de discriminação.

Aos 25 anos, a cantora - que irá lançar um álbum de samba intitulado 'Jojo como você nunca viu', no próximo dia 27 -, falou sobre o que vem aprendendo em um curso voltado às questões raciais.

"Ser preta, favelada e rica no Brasil é um problema, mas sei da importância e da referência que posso ser para outras pessoas. Isso me motivou a começar o curso com o Ricardo Tassilo. É transformador quando deixamos de ser leigos e passamos a aprender. A beleza da vida está nessa evolução", explicou Jojo em entrevista concedida à revista 'Vogue'.

A artista acrescentou que deseja aprender cada vez mais sobre letramento racial e empoderamento, com o objetivo de criar seus futuros filhos livres de preconceitos.

"Quero que meus filhos se tornem grandes homens e mulheres. Os adultos precisam ensinar as crianças e os jovens a serem pessoas do bem, porque ninguém nasce preconceituoso. Elas aprendem ao longo da vida", concluiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos