Segundo pesquisa, usuários do Tinder não fazem sexo

Reprodução/Pixabay PublicDomainPictures

Se você é usuário do Tinder e sente que não está obtendo muitos resultados, acalme-se, você não está sozinho. Uma pesquisa acaba de descobrir que pessoas que usam o aplicativo estão fazendo menos sexo que os solteiros padrão.

Leia mais: Com bom humor, jovem deficiente viraliza com perfil no Tinder

Pesquisadores da Universidade Norueguesa de Ciência e Tecnologia analisaram dados sobre comportamento sexual, uso de mídias sociais e apps de relacionamentos de 641 estudantes com idades entre 19 e 29 anos.

Descobriu-se que apesar de estarem à procura de relações sexuais de curto prazo, eles não estão tendo êxito. Aqueles que usam Tinder ou Bumble demonstraram maior interesse em sexo fora de um relacionamento sério, mas não encontram parceiros casuais.

Aparentemente, aqueles que estão fora desses aplicativos conseguem fazer mais sexo. O estudo também descobriu comportamentos diferentes entre homens e mulheres nessas ferramentas. Enquanto eles conversam com mais matches ao mesmo tempo, elas passam um período maior usando o aplicativo, pois são mais exigentes ao considerar um parceiro em potencial.

Homens também são mais propensos a iniciarem uma conversa do que as mulheres e estão mais dispostos a encontros. Ambos os sexos relataram que buscam o Tinder por conta do tédio ou por não terem nada mais interessante para fazer.

Leia mais: Casal que viralizou ao trocar mensagens no Tinder por 3 anos finalmente se conhece

Outro dado curioso é que o público masculino está mais à procura de sexo casual do que relacionamento. Já o feminino usa o aplicativo para confirmar seu poder de sedução e provar para si mesmas que são atraentes.