Segundo homem a pisar na lua, Buzz Aldrin celebra casamento e aniversário de 93 anos

WASHINGTON (Reuters) - O ex-astronauta norte-americano Buzz Aldrin, que se tornou o segundo ser humano a pisar na lua há mais de meio século, casou-se no dia de seu aniversário de 93 anos, dizendo que ele e sua noiva estavam "tão animados quanto adolescentes que casam escondidos".

"No meu aniversário de 93 anos... tenho o prazer de anunciar que meu amor de longa data, Dra. Anca Faur, e eu juntamos nossos trapos", tuitou Aldrin para seus mais de 540 mil seguidores no Twitter na sexta-feira.

O tuíte incluía fotos de Aldrin em um smoking e Faur, que segundo a mídia norte-americana teria 63 anos de idade, em um vestido de noiva de manga longa.

Aldrin ganhou fama mundial e um lugar na história ao pisar na lua 20 minutos depois que o colega astronauta Neil Armstrong deu os primeiros passos em 20 de julho de 1969, como parte da missão Apollo 11 da NASA.

Faur, que tem doutorado em engenharia química, atuou como vice-presidente executiva da Buzz Aldrin Ventures nos últimos quatro anos, de acordo com sua página no LinkedIn.

"Nós nos unimos em sagrado matrimônio em uma pequena cerimônia privada em Los Angeles e estamos tão empolgados quanto adolescentes que casam escondidos", disse Aldrin no Twitter.

O casamento com Anca Faur é o quarto matrimônio de Buzz.