Scooby diz que P.A. vai 'arrebentar' como modelo

***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 18.09.2018 - O surfista Pedro Scooby durante a pré-estreia do filme
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 18.09.2018 - O surfista Pedro Scooby durante a pré-estreia do filme

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O surfista Pedro Scooby, 33, comentou sobre sua carreira e vida após o BBB 22 (Globo) no programa Encontro com Fátima Bernardes, na manhã desta quarta-feira (11). O atleta afirmou que se surpreendeu com a fama e afirmou que pretende continuar a carreira no surfe.

"Vou com certeza [seguir a carreira]. Até agosto começo a fazer meu preparo físico, porque outubro começa a temporada de novo", afirmou ele. Scooby contou que aprendeu a surfar aos 5 anos, com seu pai, e vê agora na profissão a realização de um sonho, e sempre busca ajudar pessoas com tudo o que recebe.

"Eu que sou privilegiado vivendo um sonho como surfista, ganho tanta coisa, roupa e prancha. O mínimo que eu posso fazer é dividir com as pessoas", completou. Ele ainda relembrou um acidente que sofreu em 2019, e disse que sentir medo faz parte da profissão, mas não o paralisa. "O medo me faz estar vivo."

O atleta comentou sobre sua carreira como modelo, e afirmou: "Não é o lugar que eu me sinto mais confortável, prefiro pegar uma onda". Porém, ele diz que torce para Paulo André, seu grande amigo dentro e fora da casa do BBB, ter muito sucesso na carreira. "Ele vai arrebentar. É o cara mais bonito que eu já vi pessoalmente."

Scooby seguiu contando que após o término da edição, segue tendo contato com P.A. e que eles sempre se ligam para conversar e principalmente trocar conselhos. "Criamos uma relação de irmão mais novo e irmão mais velho", completou.