6 vitaminas que não podem faltar no seu dia a dia

As vitaminas podem ser encontradas de diversas formas, principalmente pela alimentação (Getty Images)

As vitaminas atuam em todo o corpo e influenciam em nosso desempenho do dia a dia nos aspectos mental e físico. A falta de algumas delas pode gerar doenças como anemia, beribéri e escorbuto.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Conheça 6 vitaminas que não podem faltar na sua rotina:

Manga, ovo e cenoura têm vitamina A

Também conhecida como Retinol, ela tem um papel essencial para manter a visão, a pele e os sistemas imunológico e reprodutor saudáveis. A indicação diária para adultos é de 2 mg ou 10.000 UI de vitamina A, que pode ser encontrada na cenoura, fígado, manteiga, manga, gema do ovo e queijo.

Exemplos: um copo (200ml) de leite integral possui 227 UI; meia xícara de abóbora cozida equivale a 3.177 UI; um ovo tem 303 UI.

Leia também

O complexo B pode ser encontrado no feijão e no espinafre

Um dos maiores responsáveis pela saúde emocional e mental, o complexo B também importante para uma pele saudável, unhas e crescimento do cabelo. Ele é composto por oito vitaminas: B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), B5 (ácido pantotênico) B6 (piridoxina), B7 (biotina), B9 (ácido fólico) e B12 (cobalamina).

Como o organismo não mantém reserva do complexo B, é preciso repor estas vitaminas diariamente por meio do consumo de carnes, nozes, espinafre, feijão, cereais integrais, leite…

A vitamina C está nos pimentões e frutas cítricas

Funcionando essencialmente na manutenção do sistema imunológico, a melhor forma de obter a vitamina é por meio da ingestão de frutas cítricas, tomates, morangos, pimentões e brócolis. A quantidade diária recomendada atualmente é de 200 mg.

Exemplos: um caju (100 mg); uma banana (21 mg); um copo (200 ml) de suco de laranja (146 mg).

Sol em horários adequados garante a vitamina D

Nem precisa de piscina ou praia, um solzinho da janela mesmo já basta para a absorção de cálcio (Getty Images)

Agindo diretamente na absorção de cálcio pelos ossos, a vitamina também pode ser obtida pela alimentação de produtos como leite e peixes, porém a principal fonte de vitamina D é o sol. Basta 10 a 15 minutos em contato com a luz solar, entre duas a três vezes por semana. É importante ressaltar que os raios são mais nocivos entre 10h e 16h, então evite estes horário.

Carnes gordas (com moderação) têm vitamina E

Oferecendo proteção contra doenças cardíacas, deterioração das células e agindo como antioxidante nos alimentos, a vitamina E pode ser encontrada em óleos vegetais, castanhas, carnes gordas (com moderação) e vegetais de folhas verdes. A quantidade diária recomendada é entre 10 e 30 mg.

Exemplos: duas castanhas do Pará; três nozes.

Vitamina K está no abacate e no fígado

Ela está dividida em 3: K1, K2 e K3. A vitamina K1 está principalmente em plantas de folhagens verdes. A K2 é encontrada na flora intestinal, ou seja, é produzida pelo próprio corpo. A vitamina K3 é laboratorial, produzida em suplementos. Com uma indicação diária de até 25 mg, estas vitaminas estão presentes no brócolis, nabo, espinafre, repolho, azeite, abacate e fígado.