6 vitaminas que não podem faltar no seu dia a dia

Close up shot of people sitting at dining room table with plates of vegetables and salad, person serving guests at dinner party, man about to pour dressing on his meal
As vitaminas podem ser encontradas de diversas formas, principalmente pela alimentação (Getty Images)

As vitaminas atuam em todo o corpo e influenciam em nosso desempenho do dia a dia nos aspectos mental e físico. A falta de algumas delas pode gerar doenças como anemia, beribéri e escorbuto.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Conheça 6 vitaminas que não podem faltar na sua rotina:

Manga, ovo e cenoura têm vitamina A

Também conhecida como Retinol, ela tem um papel essencial para manter a visão, a pele e os sistemas imunológico e reprodutor saudáveis. A indicação diária para adultos é de 2 mg ou 10.000 UI de vitamina A, que pode ser encontrada na cenoura, fígado, manteiga, manga, gema do ovo e queijo.

Exemplos: um copo (200ml) de leite integral possui 227 UI; meia xícara de abóbora cozida equivale a 3.177 UI; um ovo tem 303 UI.

Leia também

O complexo B pode ser encontrado no feijão e no espinafre

Um dos maiores responsáveis pela saúde emocional e mental, o complexo B também importante para uma pele saudável, unhas e crescimento do cabelo. Ele é composto por oito vitaminas: B1 (tiamina), B2 (riboflavina), B3 (niacina), B5 (ácido pantotênico) B6 (piridoxina), B7 (biotina), B9 (ácido fólico) e B12 (cobalamina).

Como o organismo não mantém reserva do complexo B, é preciso repor estas vitaminas diariamente por meio do consumo de carnes, nozes, espinafre, feijão, cereais integrais, leite…

A vitamina C está nos pimentões e frutas cítricas

Funcionando essencialmente na manutenção do sistema imunológico, a melhor forma de obter a vitamina é por meio da ingestão de frutas cítricas, tomates, morangos, pimentões e brócolis. A quantidade diária recomendada atualmente é de 200 mg.

Exemplos: um caju (100 mg); uma banana (21 mg); um copo (200 ml) de suco de laranja (146 mg).

Sol em horários adequados garante a vitamina D

Young woman with glasses in sunlight
Nem precisa de piscina ou praia, um solzinho da janela mesmo já basta para a absorção de cálcio (Getty Images)

Agindo diretamente na absorção de cálcio pelos ossos, a vitamina também pode ser obtida pela alimentação de produtos como leite e peixes, porém a principal fonte de vitamina D é o sol. Basta 10 a 15 minutos em contato com a luz solar, entre duas a três vezes por semana. É importante ressaltar que os raios são mais nocivos entre 10h e 16h, então evite estes horário.

Carnes gordas (com moderação) têm vitamina E

Oferecendo proteção contra doenças cardíacas, deterioração das células e agindo como antioxidante nos alimentos, a vitamina E pode ser encontrada em óleos vegetais, castanhas, carnes gordas (com moderação) e vegetais de folhas verdes. A quantidade diária recomendada é entre 10 e 30 mg.

Exemplos: duas castanhas do Pará; três nozes.

Vitamina K está no abacate e no fígado

Ela está dividida em 3: K1, K2 e K3. A vitamina K1 está principalmente em plantas de folhagens verdes. A K2 é encontrada na flora intestinal, ou seja, é produzida pelo próprio corpo. A vitamina K3 é laboratorial, produzida em suplementos. Com uma indicação diária de até 25 mg, estas vitaminas estão presentes no brócolis, nabo, espinafre, repolho, azeite, abacate e fígado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos