Saiba qual hábito alimentar pode estar prejudicando o seu processo de emagrecimento

Hábitos alimentares que pode estar prejudicando seu emagrecimento (Foto: Getty Images)

Pular o café da manhã e fazer um lanchinho tarde da noite são hábitos que podem prejudicar a capacidade do corpo de perder peso, segundo um novo estudo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Quando estamos tentando emagrecer, sabemos que precisamos monitorar o que comemos, quanto comemos, e quanta atividade física fazemos, mas segundo uma nova pesquisa, a nossa capacidade de queimar calorias também pode ser influenciada pelo momento do dia em que nos alimentamos.

Pular o café da manhã pode prejudicar a perda de peso? Foto: Getty Images

O estudo, publicado na revista científica PLOS Biology, monitorou o metabolismo de indivíduos de meia-idade em uma câmara respiratória do tamanho de um quarto ao longo de duas sessões separadas de 56 horas.

Leia também

Em cada sessão, o almoço e o jantar foram servidos no mesmo horário (12h30 e 17h45, respectivamente), mas a hora da terceira refeição variou nas duas etapas do estudo.

Em uma das sessões de 56 horas, a refeição diária adicional foi apresentada no café da manhã (as 8 horas), enquanto na outra sessão, uma refeição nutricionalmente equivalente foi oferecida aos mesmos participantes como um lanche noturno, às 22 horas.

A duração do jejum realizado ao longo da noite foi a mesma nas duas sessões.

Embora o nível de atividade física, a quantidade e o tipo dos alimentos oferecidos não tenham variado entre as duas sessões, o horário da terceira refeição teve um impacto na quantidade de gordura queimada.

Os pesquisadores descobriram que a sessão que incluiu a refeição noturna resultou numa queima de gordura menor do que a observada na sessão que incluiu o café da manhã.

Os autores do estudo afirmam que o ritmo circadiano, ou o ciclo biológico do organismo, é programado para ajudar o corpo a queimar gordura durante o sono.

Comer tarde da noite pode ter um impacto negativo no processo de emagrecimento. Foto: Getty Images

Como consequência, pular o café da manhã e fazer um lanche à noite pode retardar o início da queima de gordura.

Com base nas suas observações experimentais, os pesquisadores disseram que o horário das refeições durante o ciclo dia/noite pode impactar até que ponto o alimento ingerido é usado ou armazenado.

A equipe de pesquisa afirmou que o estudo pode ter implicações mais amplas para aconselhar as pessoas em relação aos seus hábitos alimentares, sugerindo que um jejum diário entre o jantar e o café da manhã pode ajudar a otimizar a gestão do peso.

Esta não é a primeira vez em que os benefícios do jejum noturno para a saúde foram discutidos.

No ano passado, uma pesquisa sugeriu que pular o café da manhã e jantar muito tarde pode levar a desfechos mais sérios após um ataque cardíaco.

Os cientistas descobriram que as pessoas que pulavam o café da manhã frequentemente e jantavam menos de duas horas antes de ir para a cama tinham uma chance muito menor de sobreviver se sofressem um ataque cardíaco.

Apesar disso, também há algumas pesquisas contraditórias sobre o impacto do café da manhã na perda de peso.

Embora nos últimos anos se acreditasse que tomar café da manhã ajudasse na perda de peso, algumas pesquisas indicam o contrário.

Estudos anteriores concluíram que uma refeição matinal com alto teor de proteínas, ou uma tigela de mingau de aveia, pode ser a chave para manter um peso estável e controlar o apetite ao longo do dia.

O café da manhã foi objeto de muitos estudos científicos ao longo dos nos. Foto: Getty Images

Porém, no ano passado, cientistas da Monash University em Melbourne, Austrália, descobriram que aqueles que tomavam café da manhã tinham um consumo energético maior durante o dia (260 calorias a mais, em média) em comparação com aqueles que pulavam esta refeição.

Os apreciadores do café da manhã também pesavam, em média, quase meio quilo a mais (440g) do que aqueles que não costumam fazer esta refeição.

Os cientistas concluíram que pular o café da manhã não reduz o apetite ao longo do dia, contrariando os resultados dos estudos anteriores.

Esta equipe não foi a primeira a desafiar a suposta ligação entre o hábito de tomar café da manhã e a perda de peso.

Os seguidores do popular jejum intermitente costumam pular o café da manhã para iniciar a sua “janela” de alimentação mais tarde.